Leia também

A incrível geração das mulheres chatas – por Mariliz Pereira Jorge

Interessante o ponto de vista sobre as mulheres, vindas de uma… mulher
A colunista do jornal Folha de São Paulo, Mariliz Pereira, publicou semanas atrás em seu espaço do periódico uma ótima crônica, onde faz uma “análise” do comportamento feminino de algumas mulheres. Acredito que muitas mulheres se identificarão com o ponto de vista de Mariliz e outras acharão um absurdo… Tire suas próprias conclusões. Vale muito a leitura!

A incrível Geração das Mulheres Chatas

Não faz nem um mês eu disse aqui que a melhor desculpa de uma mulher que está sozinha é que não tem homem no mercado. É muito boa. Mas tem uma que disputa à faca o primeiro lugar: estou sozinha porque os homens têm medo de mulheres independentes.

Uma ova.

E posso afirmar: a cada minuto que você reclama, tem outra mulher também independente e bem sucedida – mas muito mais esperta do que você – sendo bem sucedida na dança do acasalamento. E você aí, sozinha no bar com as suas amigas independentes, com suas bolsas caras, indo dormir sozinhas, reclamando da morte da bezerra e dos homens. Aqueles ingratos.

Não sei de onde tiraram essa ideia de que a vida só mudou para as mulheres. Não é possível que a gente acredite mesmo que fomos criadas para ganhar o mundo, estudar, disputar vagas de trabalho, fazer o imposto de renda, encarar hora extra, sair sozinha com as amigas, e que ninguém contou nada aos homens. Enquanto isso, os pobres empacaram no tempo e, portanto, hoje temos que conviver com trogloditas que ainda esperam casar com a dona Baratinha.

Tenho um irmão 11 meses mais novo do que eu. Crescemos na mesma casa, com os mesmos pais. Nós dois vimos minha mãe trabalhar a vida inteira, chegar em casa muitas vezes depois de todo mundo, dividir as contas da família no papel, fazer uma comida mais ou menos, viajar sozinha no Carnaval porque meu pai sempre detestou os dois.

Saídos da mesma fôrma, eu ganhei o mundo. Meu irmão casou antes dos 20 anos. Não estou contando nenhuma história que não seja a mesma de quase todo mundo que eu conheço. Esse discurso de que os homens não estão preparados para essa nova mulher seria revolucionário na época da minha avó, que se separou aos 50 anos, decidiu aprender a dirigir, fez vestibular para educação física e foi procurar emprego – porque, até então, o único duro da vida da dona Dorah tinha sido criar quatro filhos. Talvez tenha ficado mal falada na cidade. Mas era a minha avó, no tempo da minha avó.

Essa ladainha em 2014 não dá.

Quando é que a gente vai cansar de se fazer de vítima e parar de encarar os homens como incapazes? Se a gente se adaptou aos novos tempos, eles também. Ainda precisamos de ajustes aqui e ali, mas está tudo bem.

Eu não convivo com homens despreparados para essa nova mulher que sou eu, você e quase todo mundo. Tenho amigos homens, e eles querem, sim, mulheres parceiras e não dependentes. Choram no meu ombro por causa de pé na bunda. Reclamam de mulher que não vale nada. Ficam perdidos sem saber como agradar essa fulana que, na verdade, não sabe o que quer porque cresceu acreditando que pode querer tudo. E pode. Só deveria parar de encher o saco.

Fizemos as nossas escolhas, eles fizeram as deles. Nenhuma mulher é igual. Assim como qualquer cara pode vir com mil variações do que a gente aprendeu a conhecer por macho. Tem todo tipo por aí. Mas com todos os requisitos que a tal nova mulher – que de nova não tem nada – quer, não sobra um na face da terra que baste.

Inteligente. Óbvio. Antenado. Com certeza. Remediado. Tem remédio? Fodão. O tempo todo. Bem humorado. É o mínimo. Frágil. Nem pensar. Imaturo. Socorro. Machista. Deus me livre. Glúten free. Pra quê? Fiel. Possível. Rico. Com a graça de deus. Comprometido. Por que não?

Esqueça.

Eu agradeço por nunca ter tido um único namorado que não me quisesse da forma como eu fui criada. Ganho o meu dinheiro, bebo uísque, gosto de futebol, dirijo super bem, cuido do meu imposto de renda sozinha. Sei pregar botão, ainda que torto, não sei nem por onde começa a receita de suflê de cenoura, só vou ao supermercado pra comprar vinho e no dia em que tive que aprender a diferença de alvejante e água sanitária, dei um Google.

Compro bolsas caras, saio sozinha com as minhas amigas e nunca fui cobrada por ter que trabalhar domingo ou terça à noite. Neste momento em que escrevo e tomo vinho tem um cara lá na cozinha preparando o jantar. Um cara que me escolheu do jeito que eu sou, que vibra com as minhas vitórias e me salvou de jantar miojo ou cerveja pelo resto da vida.

Meus pais nunca perguntaram quando eu iria casar ou quando lhes daria netos. Mas sempre torceram que eu encontrasse um companheiro para dividir a vida. Eles se orgulham muito do caminho que eu quis seguir e nunca me fizeram pensar que escolher ser bem sucedida significaria ser mal amada. Conheço uma penca de gente que tem os dois porque isso aqui não é uma competição. Todo mundo quer a mesma coisa. Eu, você, o Arthur, o Marco, o Fernando, o Rodrigo, o João, a Cris, a Camila.

Todo mundo quer um chinelo velho pro seu pé cansado. Quer sossegar o rabo num relacionamento feliz e cheio de cumplicidade, de parceria, de mãos dadas no cinema, de silêncios que signifiquem enfim sós.

Chega desse discurso de ser mal compreendida pelo mundo e pelo homens. Tem muita gente avulsa por aí. Dos dois lados, por inúmeras razões. Se você acredita mesmo que ninguém te quer porque é independente e porque os homens não sabem lidar com isso, só quero lhe dizer uma coisa: você está sozinha porque é chata.

Vou jantar, porque depois tem uma pia de louça me esperando. Justo. Clique aqui para ler o texto.

por Mariliz Pereira Jorge
Colunista da Folha

 

PS> A pedidos da autora, tive que linkar para o texto original no site da Folha de São Paulo para a leitura completa da crônica.

Comentários

comentários


Sobre Sal (291 Artigos)
Jornalista, blogueiro, letrista, cantor em uma banda de rock, fã de música, quadrinhos e cinema
  • Perfect!

    • Juliano do prado

      boa mesmo… adorei o texto, mas eu estou a procura de uma mulher, quem se interessar.

      • Juliano do prado

        boa mesmo… adorei o texto, mas eu estou a procura de uma mulher, quem se interessar.

    • HAHAHA JULIANO..!!!

    • CINTIA

      Adorei o texto,você falou apenas a realidade !!!!

  • Ângelo

    Muito boa essa crônica. está cheio de mulheres chatas e que acham que os homens é que são compliacados. qdo é o contrário, elas são as quem exigem demais sem merecer, por isso que estão sempre sozinhas choramingando.

  • Marta

    Muito bom!!! Minha vida foi exatamente assim, com a diferença que sofri muuuita pressao dos meus pais, que achavam que eu estaria salva quando casasse….rsrs…. Mas, dei de ombros…. me amarrei aos 35, tranquila da vida…. e realmente ele me salvou dos miojos e pão com molho de tomate em lata…. hoje, dividimos tudo, como desde sempre, inclusive as contas, é claro!!!
    Mas acho que antes de encontra-lo muitos me acharam extremamente chata….entao, nao dá pra nivelar, mas da pra concordar que todos procuramos, e que é preciso estar aberto para encontrar seu par…fazendo uma lista de ‘defeitos’ imperdoáveis e outros aceitaveis…é um bom caminho, pq perfeito só Jesus!!!!

    • Victor

      Jesus é perfeito, pq transforma a água em vinho. E vinho deixa toda mulher chata legal. hahahahaha

  • seila viviane lopes

    Adorei,os homens querem mulheres independentes sim,o problema é que as mulheres estão confundindo independência com vulgaridade e se tornam disponíveis para qualquer pessoa ,em qualquer lugar ,em qualquer momento ,além de cobrarem demais e brigarem por tudo e por nada .Sou mulher,casada,mãe e já presenciei muitas discussões de colgas de trabalho com seus parceiros por bobagens.que homem aguenta?nem eu aguentaria!

    • Anônimo

      Concordo com VC Seila, mulher ser independente…não significa ser vulgar.O negócio e menos mimimi e mais atitude, vamos convir que homem nenhum suporta mulher chata…brigona e dependente 24 horas por dia!

    • Acho que você está certa. Muitas mulheres hoje em dia confundem independência com ser trouxa, ou menos feminina. Acho isso muito chato. Fora que, outro problema que vejo é que as mulheres querem ser tratadas como antigamente, com toda cortesia possível, mas na hora de dar suporte, se ausentam e não são submissas como as mulheres de outrora. Aí não tem condições. Ou você se decide ser moderna e amiga, e arca com as consequências disso, ou decide ser antiquada e submissa, e arca com as consequências disso. Agora querer ser tratada “a pão de ló” como antigamente e ainda desfrutar dos benefícios da modernidade, aí não dá.

      • Isaías Juvino da Silva

        Perfeito Felipe,é isso mesmo que acontece,hoje!

  • lidia

    A autora partindo do pressuposto de que ” todo mundo quer um chinelo velho para o pé cansado”, generalista, estudos mostram que na Espanha por exemplo, há uma nova geração de mulheres que não deseja se casar.
    Não desejo me casar, e não é porque sou chata, é simplesmente porque do mesmo modo, como afirma a autora ” Tenho amigos homens, e eles querem, sim, mulheres parceiras e não dependentes” ofereça a eles seu sexo, sua companhia, e deixe-os ir e vir quando quiserem. Esse é o sonho de muitos homens e que agora se tornou realidade para muitas mulheres. Deus me livre homem chato no pé, querendo minha fidelidade, e ao mesmo tempo exigindo minha fidelidade enquanto ele mesmo me chama de chata se eu pedir para ele ficar em casa esta noite e não ir ao boteco, ou ao futebol. Especialmente porque eu também adoro ir e vir sem dar satisfação a ninguém. Acho o texto generalista, e ontologicamente contraditório, porque ao mesmo tempo que diz que as mulheres independentes se sentem incompreendidas pelos homens, acaba por terminar vitimizando o homem, sim, a mesma vítima da mulher independente, ainda é vitimado, pela sua própria carência.

    • Anônimo

      Vc disse tudo! Concordo com cada palavra… Sempre q lia esse texto concordava em alguns pontos mas me sentia incomadada em outros…

      • Manuela

        Concordo!!!! Tb concordo que as mulheres estão chatas e “surtadas”, mas não dá para generalizar… E quem não quer, de verdade, casar, se não valer mais à pena do que ficar solteira… eu até quero, mas tem que ser bem bom, melhor, delícia… pois, eu gosto de estar comigo!!!!Melhor do que estar com alguém apenas para mostrar para sociedade… Já morei com dois caras e deu certo, sim, na maior parte do tempo…

    • Concordo com vc! Sempre lia esse texto e concordava em alguns pontos mas me sentia incomodada com outros… Vc colocou mto bem, concordo com cada palavra sua! 🙂

    • Marília

      Também achei generalista. Porque tem homem que quer mulher dependente sim, pq ainda existe mulher dependente, pq nem todo mundo quer dividir a vida com um parceiro/parceira, pq nem todo mundo quer um relacionamento sério, pq tem muita gente que não se importa mais com o sentimento alheio e só pensa em si, pq tem homem que caça mulher bem sucedida pra se encostar nela, porque cada pessoa tem um desejo diferente, planos diferentes e jeito diferente. Enfim, complexo demais pra generalizar.

    • mas que estudo ridículo esse estudo feito na Espanha heim? não é atoa que o indice de suicidio cresceu bruscamente.

    • [email protected]

      Concordo totalmente! Muitas mulheres lindas, independentes e legais preferem manter sua liberdade e ficar com quem, aonde e quando quiser. Nada como ter o controle total de sua vida! E, homens que cozinham, arrumam casa, fazem uma boa massagem, respeitam a parceira e ainda aceitam que ela tenha continue sua vida social, independente do seu relacionamento, até que não está tão difícil. Mas basta casar e ter filhos que percebemos que a influência de anos da submissão da mulher e comportamento machista dos homens, em nossa cultura, ainda norteiam o comportamento masculino nos relacionamentos atuais.

    • Dyogo

      Você é um exemplo de mulher chata… e nem eu e nem qualquer outro homem sequer conseguimos chegar até o fim do seu texto de tão chato que é.

    • rafael

      Concordo com o Dyogo. Nao é atoa que grande parte do vocabulario do homem apos um tempo nao muito longo de relacao se resume a “ahan, ahan, ahan…”. Se o cara diz que sim, ela nao gosta. Se diz que nao, tambem nao gosta. Aaaaah sai fora !!! Dificil agradar… Mesmo assim acredito que vou encontrar uma parceira legal… obs: parte disso ai pra mim é piranhagem. Papo de ficar dando pros amigos.. arruma um parceiro sexual… vc vai acabar ficando sem amigos… Noix queiroz ! FUI !

    • Anônimo

      Entenderam a ilustração, leitores? 🙂

    • Chata ;-D . Com o trecho “Estudos mostram…” então fui até dormir… Bjs amiga.

    • Sua análise é perfeita, Lidia

    • Denis

      Ir e vir sem dar satisfação é muito bom mesmo e muito fácil. Difícil é ter alguém que peça para você ficar de forma que você queira ficar. Agora, se você não quer ficar, é uma opção. Se por causa do cara ou se por causa de seus objetivos ou se porque você não tolera companhia é um problema unicamente seu, uma escolha totalmente individual. Todos podemos escolher servir os outros de forma que quisermos, seja sexualmente, financeiramente ou afetivamente sem necessariamente ter um rótulo. Aliás, é normal termos um rótulo por dia e, de repente, não temos rótulo nenhum. Muita discussão por um assunto tão particular que não tem resposta generalizável. Pessoalmente, acredito que essa estória de ser “independente” já deu. Ninguém é totalmente independente. Isso é impossível, mas gente que não sabe passar algumas horas consigo se torna insuportável (chata) e acaba ficando sozinha, isso é fato. A propósito, “ontológico” é um palavrão para fóruns desse tipo!

    • Raphael

      Se você possui a intenção real de viver sozinha e ser cúmplice de si mesma até o fim dos tempos, um dia vai perceber que o sexo não é tudo que você tem a oferecer, até porque sua vagina uma hora vai ficar velha e enrugada e seus seios não serão mais tão atraentes, então não lhe sobrará nada, mesmo porque, você não é a única fêmea para os seus amigos machos acasalarem.

    • Marcelo

      Minha filha… você apenas está numa fase mais independente de afeto. Não confunda afeto com um pinto duro do seu lado sem perspectiva de futuro. Amadurecer é para todos, e mais cedo ou mais você vai, sem se dar conta, mudar seus anseios sobre relacionamentos e vai entender o que é ser companheira. Ou não, mas ai é problema seu. Bjo.

    • Concordo contigo

  • carolina

    Falou, falou e não disse nada.

    “Todo mundo quer a mesma coisa. ” – Tem certeza? Acho que não hein.

    Os homens, uma boa parte, aceitam uma mulher independente, embora realmente existam umas bem chatas. Mas será que eles aceitam uma liberal, como eles? Acho que não hein! Eles as querem pra uma aventura e não para relacionamento sério. Este é o X e não o fato de serem chatas. Estas são a minoria, ao meu ver.

    • Anônimo

      Concordo com você Carolina !

    • Anonimo

      “‘Todo mundo quer a mesma coisa’ – Acho que não hein”
      Certo. E desde quando todo homem é liberal? Só quer pegar? Quantos homens vc conhece minha filha?

    • Anônimo

      Todo homem é igual agora? Deu pra ver que você é uma das chatas!

      • Anônimo

        Adorei Carol! Falou, falou e não disse nada! Texto fora da realidade de maior parte da sociedade.

      • Anônimo

        Todo homem é igual sim, mas as mulheres são uma pior que a outra… hehehe

    • Se você quer ser liberal e só procura aventuras não tem porque se preocupar com o que os homens sérios querem.

  • Roberto

    Mariliz. Não dê ouvidos ao que as “chatas” escreveram ali em cima. Voce aceitaria meu CV para analisar? Te achei de mais! (Olha: eu além de cuzinhar. Lavo a louça. E sei beijar muito bem (acho que faltou citar este predicado, que aliás, tem que ser mútuo. Bj Beto

    • Só faltou umas aulas de ortografia né Roberto da CUzinha…

  • Anônimo

    Só faltou umas aulas de ortografia né Roberto…

    • Anônimo

      Euhehehe… finish him! Fatality!

  • Conheço vários camaradas que mesmo sendo pessoas ótimas nunca tiveram sorte com o sexo oposto. Inclusive esse que vos escreve. De nada adianta senso de humor, amabilidade, habilidade na cozinha, inteligência, disposição pra trabalhar e fidelidade e admiração pela companheira se este não vier acompanhado de um carrão e uma conta com vário zeros – que muitos desses zeros serão consumidos pela parceira.
    Elas simplesmente cagam e andam pra muitos desses predicados e consideram apenas os números da conta do indivíduo.
    Por exemplo, estava eu namorando uma garota semanas atrás que no início parecia a mulher que eu sempre pedi a Deus mas no decorrer de APENAS duas semanas de namoro, ela começou a me pedir dinheiro emprestado, créditos de celular, dinheiro das passagens pra ela me visitar na minha cidade, dinheiro pra cabeleireiro – mesmo na semana que eu não a veria e portanto, ela não ficaria linda pra mim e sim pra outrem e quando eu fechei a torneira, ela começou a se mostrar fria, o beijo já não era mais o mesmo e o abraço começou a parecer vazio.
    Ou seja, IT´S ALL ABOUT MONEY!

    • Anônimo

      Hum… Rodrigo, na verdade, o problema é que você não sabe escolher mulher. Sim, existem mulheres interesseiras, assim como existem homens interesseiros; uma amiga minha já sustentou namorado por anos, para depois levar um chifre e um pé na bunda. Acontece.
      Se você não quer uma mulher interessada em grana, então, procure as independentes, citadas no artigo. Aquelas que trabalham, tem sua carreira, e pagam tudo do próprio bolso. Ok, algumas são feministas (corra das mais extremadas), mas a maioria é gente boa, vai querer rachar os gastos contigo, e não vai aceitar nenhum presente mais caro do que um que ela poderia comprar para você.
      E, não essa mulher descrita acima não é fictícia; ela existe, e está por todo lugar. No geral, em bons cargos nas empresas, e não em um que só exige 2º grau completo. Não que todas sejam assim – não vou generalizar -, mas a probabilidade é maior.

      • Aline Monteiro

        Presente!

      • Ana

        Discordo, conheço muita diretora de empresa interesseira e muita camelô independente!

    • Anônimo

      Rodrigo, não generalize pq nem todas as mulheres são assim! Infelizmente vc teve o azar de topar com uma interesseira, que o unico sentimento que tinha, era pela sua carteira! Existem sim, muitas mulheres desse estilo, que só estão com o parceiro pelo dinheiro, mas existem muitas que procuram uma pessoa trabalhadora, honesta, fiel, carinhosa e que a respeite!

    • Anonimo

      Meu chapa, sabe qual o problema ? Dependência, de toda e qualquer forma. Duas pessoas devem estar juntas para estarem dispostas a se doar, lutar e construir coisas boas para ambos, tudo que impede tanto um quanto o outro de estarem fazendo isso deve ser dialogado, falado na cara, você deve ter a confiança em você mesmo para saber aquilo que você quer, saber dizer “não”, impor os seus limites e ser consistente com seus sentimentos, atitudes e tudo aquilo que você acredita, senão o seu discurso sempre vai ser esse, esperando por algo, por alguém…. Se preencha primeiro, tenha amor próprio.

  • Muito bem inspirada pelas taças de vinho, a matéria escrita é profundamente atual e ilustra o mal moderno, na guerra dos sexos de hoje, os dois perdem… Mas as chatas estão em ascensão. Para voltar a ganhar devem reaprender a dança do acasalamento, sob a pena de terem ao seu lado, apenas vibradores! =)

  • Anônimo

    a autora é uma chata e fica querendo justificar o ponto de vista alheio para minimizar a sua propria chatisse, oras… va mesmo lavar sua pia… e deixe as solteiras serem o que quiserem e quando quiserem, as vezes as pessoas gostam de ficar descalças!

    • Anônimo

      Queima sutiã!!!! ?????

    • issaê

    • Anônimo

      Mais uma chata !!! Pqp….

    • Anônimo

      Insuportaaaavel ! Vc sera solteira pra sempre… aceite isso e seja feliz

    • Mas é fato que só fica de mal humor quem não tá transando ou pegando ninguém, então, não parece que você está muito contente sendo solteira. =P

  • Eduardo

    sensacional….

  • Anônimo

    Interessante apontamento. Mulheres chatas, homens chatos. Mulheres liberais, homens liberais. São incontáveis adjetivos as pessoas. O que vale no final e viver e fazer valer, agora, como? Cada um escolhe seus caminhos. O que não pode ser esquecido é a historia da construção da sociedade brasileira, machista, autoritária e tangencial. Alguns buscam parceiros para vida, outros preferem parceiros ocasionais, algumas querem filhos, outras nem tanto.

  • Anônimo

    Tem o famoso diálogo:
    – To cansada. Nenhum homem presta.
    – Até tem, mas você os colocou na “friend zone”!

    • Anônimo

      BOA. FATO VERÍDICO KKKKKKKK

    • Parece que mulheres narcisistas são assim, gostam de homens que as maltrate, só pra poder reclamar que nenhum presta. É um paradoxo.

  • Fabiane

    Interessante esse texto. Acredito que exista vários tipos de mulheres e vários tipos de homem. Eu cresci vendo as mulheres da minha casa serem independentes, mulheres fortes, mais forte que os homens que minha vida me deu de presente, entretanto não quis ser mulher forte, almejei por ter uma família consolidada, onde existia a mãe o pai e os filhos, a mãe que cuida com amor e carinho do lar (não casa, exatamente um lar) e o pai que sai para prover o alimento. Ambos vivendo em harmonia, cumplicidade e amor muito amor. Foi isso que encontrei, encontrei um homem para prover pelo lar e que me aceitou a minha medida e altura. È só não elaborar muito os pensamentos, pois o que nós procuramos sempre iremos encontrar, se queremos amor teremos amor, se queremos safadeza teremos safadaza, o homem ou a mulher perfeita só existirá na ótica de quem quer realmente quer enxergar a perfeição, caso contrário teremos lamurias, muitas lamurias.

  • A autora do texto fala por ela e é partidária do Antes mal acompanhada do que só ! Não compartilho de suas opiniões ! Por estar sozinha a mulher è considerada chata?! Que pobreza de espírito !

    • Anônimo

      ela colocou como se todas mulheres solteiras são chatas, ridículo isso.. Exigente seria uma palavra mais cabível, pelo fato de não namorar com qualquer porcaria pra não ficar sozinha.. Duvido q essa louca tem namorado, chata é ela

    • concordo contigo Ju.

    • Se ela fosse tão legal e tão boa na dança do acasalamento, ela estaria com o marido dela na cozinha, tomando o vinho na cia dele com todo o romantismo e diversão que a situação “cozinhar juntos” proporciona. Deixar ele lá cozinhando pra escrever um texto falando mal de alguém, isso sim parece coisa de mulher chata. Rsrs

  • Eu poderia tecer mil elogios para essa matéria, mas ñ caberia aqui!
    Interessante o ponto de vista sobre as mulheres, vinda de uma… Mulher

  • Anonimo

    Acho que algumas mulheres exigem muito no intuito de serem conquistadas, algumas fazem até teste para ver se o homem merece elas, mas o que tem me intrigado é: qual mulher tem valido a pena conquistar.

  • Thalita

    Cresci numa família em que ambos da casa trabalhavam, tanto meu pai quanto minha mãe. E muitas vezes minha mãe que segurava as pontas. Acho que os homens querem e precisam sim de uma mulher independente, que saiam e que façam a mesma coisa que eles, mulheres que não esperam que eles paguem as contas, que não dizem que eles não vão se elas não forem, porém, mulheres que tem o pulso firme, que são companheiras, que se divirtam junto com eles e que não reclamem quando eles vão tomar cerveja ou assistir futebol, porque elas também farão isso sem a presença deles. Mas é válido ressaltar que nem todo mundo busca companhia em dias frios e massagem no fim do dia. Tem gente que prefere ser feliz sozinho, crescer e almejar tudo que quer de forma unitária, e não podemos dizer que essas pessoas são egoístas e mal amadas, as vezes essas pessoas encontram seu ponto de paz consigo mesmas e não na presença de outrem!

  • Anônimo

    Nada a ver esse texto, rídiculo.. Não vejo esses homens que choram, que querem mulheres para namorar, me desculpe, mas essa autora não sai muito por aí.. O que mais tem é homem querendo aventura, olhar mulher gostosa e principalmente, os que namoram TRAINDO. E são raras as excessões, e digo mais, a maioria das mulheres concorda comigo.
    Vejo muitas amigas minhas lindas, que trabalham, independentes, que ganham seu próprio dinheiro, estudam, mas solteiras porque não acham um parceiro legal.. Acho melhor se informar antes de querer dar lição de moral em mulheres que se dizem “independentes”.
    Mulheres que estão solteiras e são legais não devem ser tituladas como chatas e sim como exigentes no quesito de ter um parceiro do seu mesmo nível.

  • Marcelo

    Em parte, concordo. Mulher sempre acha q entende td o q o homem pensa e faz. Mas se engana. Um cara q cozinha sempre??? Difícil, só se o cara for um chefe de cozinha…

  • Beatriz

    Ontem meu marido e eu estávamos conversando e ele me disse que não é fácil cuidar do jantar ou deixar a casa limpa sozinha, nem ele e nem eu damos conta, é por isso que cuidamos das responsabilidades domésticas juntos. Ele passa a camisa dele, ele lava o banheiro enquanto eu limpo a cozinha, quem levanta primeiro faz o café, quem tem mais tempo livre cuida do cachorro… nossa vida é assim. As realizações profissionais continuam sendo pessoais, muita coisa é individual até com o propósito de continuarmos sendo “interessantes” um para o outro, temos opiniões diversas (isso ajuda a manter as conversas divertidas e “controversas” – nunca discussões). Somos geração Y e estamos juntos a 9 anos.

  • Anônimo

    Gostei muito, do que acabei de ler, só eu acho, que todos estão certos, e também errados, , porque no final de tudo, o que importa mesmo, é Amar e ser Amado, independente, de quem vai pagar a conta, se ,é o homem ou a mulher, se não rola Amor, não vale a pena.

  • Boa matéria, mas não da pra forçar que todo mundo quer um companheiro né. tem quem não quer realmente por preguiça de vida a dois, eu até gosto de uns beijos, uns amassos, mas gosto de ser livre. E nem tenho grana pra bolsas caras e balada c as solteiras todos os dias.

  • luana

    Acho muito foda generalizar o tipo de mulher. Estar sozinha porque é chata??? Eu namoro tenho minha independência e compreendo que cada um tem suas limitações …. generalizar que está sozinha por homens terem medo dessa “nova mulher” não é certo….mas Vc se poupar na sua história para tirar conclusões não! ! Cada um tem um tipo de família e uma forma de encarar a vida!!! Sinceramente uma colunista não deveria fazer generalizações e julgamentos… e sim analisar e compreender esse tipo de mulher…. porque garanto que elas não estão sozinhas porque querem sofrer…mas pq então pensam dessa forma?? O que poderia auxiliar a ver de outra maneira essa realidade??? São críticas construtivas. .. para melhorar a forma de divulgação dos pensamentos….isso aí vc posta no seu Facebook individual….

  • Carolina

    Adorei o texto, bem providencial. Ver o copo meio cheio ou meio vazio é questão de perspectiva, que a gente troque a bobagem pela felicidade. Parece justo para mim.

  • Só li merdas, blá blá blá sou mulher independente….quanta asneira…

  • Maida

    Tooopissimo!! Estimulante!! Empolgante!! Perfeito! Sugiro um livro!

  • Anônimo

    Se os homens são todos iguais, por que as mulheres escolhem tanto??

  • Anônimo

    Se ela fosse tão legal e tão boa na dança do acasalamento, ela estaria com o marido dela na cozinha, tomando o vinho na cia dele com todo o romantismo e diversão que a situação “cozinhar juntos” proporciona. Deixar ele lá cozinhando pra escrever um texto falando mal de mulher, isso sim parece coisa de mulher chata. Rsrs

  • Giza

    Não entendi o texto. Não falou nada demais, pra mim não acrescentou nada, nem falou nada polêmico. Deve ser porque é essa a mulher mesmo que eu enxergo como a mulher real e não tenho preconceitos com essa imagem “moderna”. Cada um tem um jeito de ser, sempre foi assim. Só não devemos buscar seguir estereótipos só para nos sentirmos “os caras”. Se vc não cozinha beleza, mas e daí,e se cozinhasse? Vc seria uma mulher comum e não essa daí q vc descreveu “q tira onda”? Fala sério… Desculpa, mas não deu lição de moral em ninguém.

  • Faiz Hamrourch

    Parabéns. Perfeita interpretação do que é viver só, ou bem acompanhado desde que seja por opção

  • Vanessa

    Engraçado é q só se fala nos defeitos das mulheres, e os homens que deixam a desejar, que tem dor de cabeça (sim eles tbm negam fogo!), que depois de casados passam a enxergar a parceira como sua mãe, empregada, amiga, menos MULHER, que não respeita nem se importa com suas vontades sejam sociais, profissionais ou carnais, tem muito homem mala neste mundo, que é príncipe até amarrar uma otária no pé da mesa e encher de filhos, depois é sapo cururu gosmento e verruguento, quem vê cara não vê relacionamento rs… Nem todo homen tá preparado pra realmente aceitar essa mulher “chata”, cheia de vontades e decisões…

    • Anônimo

      Nossa, que mal amada… vai morrer com um dildo como parceiro. ..

  • Ma

    Os homens da minha geração não estão prontos não e não aceitam mulher independente, com opinião própria, que ganha mais que eles. por isso achei um mais novo e me apaixonei! Existe aceitação dos 2 lados, o machismo e egoismo não existem pranós!

  • Nao quero mulher dependente acho isso ridiculo, te que crescer junto ao homen, porque se um dia nao der certo entre o casal a mulher vai sair igual uma tola procurando outra macho pra bancar ela se liga.

  • joão paulo

    somos todos seres humanos : ninguém é perfeito , ninguém é igual . falta bom senso . conheço tantas casos de homens e mulheres brigando por besteira , fala sério. vamos mudar isso ai

  • Anônimo

    Cada um tem Aquilo que atrai! Não tem essa… É tudo uma questão de escolha!

  • Anônimo

    Mto bom texto e bem colocado.

  • TUDO VERDADE! REALIDADE ATUAL! PARABÉNS!

  • Thayná Magalhães

    E meio complicado estou no segundo casamento e é uma coisa muito massificado cheio de tarefas que muitas vezes eu faço sozinha, pois a maioria dos homem não gosta de ajudar no dia a dia, eu já desisti de um casamento e estou preste a desistir de outro poxa rapazes oque custa lavar a louça sabe a mulher passa horas na cozinha, arrumando a casa organizando, passando, lavando e ainda tentando ser sexy e vocês não dão valor
    ( desabafo )

  • homembom

    NO MEU PONTO DE VISTA, O PROBLEMA HOJE DAS MULHERES, ALÉM DA CHATICE (É CLARO), SÃO ELAS QUERENDO SER HOMENS. DIREITOS IGUAIS? OK, ENTÃO PEGA O BOTIJÃO DE ÁGUA DE 20 LITROS E VIRA LÁ NO BEBEDOURO…

    • sâmylla

      ahuahauhauaha verdade!
      Deus não criou mulher para ser homem nem vice versa
      esse lance de direitos iguais acaba com relacionamentos.
      tem que existir dependencia sim, do ponto de vista de parceria mesmo, um tem que precisar do outro, pq senao pq ficarão juntos???
      Lógico que pelo amor, mas também pq um ajuda ao outro a ser melhor, a viver, a dividir a vida!
      Tem cisa mais gostosa do q vc saber que ele/ela precisa de vc em certo ponto? Que só vc sabe fazer tal coisa que ele/ela goste?
      Mulher que faz td sozinha não quer uma companhia, quer só sexo.
      E isso aí qualquer um pode oferecer.
      Mas companheirismo e amor…. não tem preço!!!!

  • Rodrigo

    Texto pra boi dormir.. Leia-se Nessaham Alita.

  • Anônimo

    Não me lembro a ultima vez que comentei um texto de qualquer natureza na internet mas o seu está merecendo algumas palavrinhas….achei FODA d+ sua percepção e abordagem do tema, e tinha que vir mesmo de uma mulher porque se viesse de um homem soaria machista não importa o que tivesse sido escrito…virei fã e concordo com tudo..abraço

  • Talita

    No momento em que me encontro com muitas dúvidas, confusa sobre tudo e totalmente incompativel e incompetente a recomercar tudo novamente (pois acabei de terminar um namoro de quase 4 anos =, onde ja moravamos juntos e tinhamos uma vida de casal; eu com 2 filhos e ele com 1 filho) esse texto me deu um norte do que não fazer. Ja fui chata de ligar, cobrar, exigir carinho e atencao porque simplesmente colocava esse homem como o centro das atencoes em minha vida (algo muito errado), pois no final das contas ele me traiu por ganancia e poder, jogou tudo pro alto (nossa uniao, nossos momentos, nossos sentimentos) e hoje anda desfilando pra cima e pra baixo desfilando com a nova piriguete, onde ja fazem declaracoes de amor publicas, nao e mais segredo para ninguem o novo relacionamento dele, ela ja esta de malas e cuias na casa dele e eu tenho que aturar tudo isso calada. Estou realmente revoltada com toda essa situacao: primeiramente pela falta de consideracao e respeito que ele nao teve comigo, com os meus filhos (que sao pequenos e nao tem pai, porque perderam apos o nascimento do segundo) com os nossos amigos, e principalmente, com a minha familia, pois ele simplesmente me usou ate quando fosse conveniente e me descartou como um objeto velho. O pior de tudo é que as pessoas proximas que sabem da situacao se dirigem a mim como se eu estivesse muito mal, sofrendo por demais, perguntando se eu estou bem, realmente bem, onde na verdade o que eu sinto e muita raiva por isso isso o que ele fez. Estou sofrendo porque gosto dele sim, mais a minha raiva supera toda e qualquer situacao que eu queria sentir. Gostaria que voce colocasse a sua opiniao a respeito do tema. Pois hoje os homens nao querem compromisso, porem ainda existem pessoas que acreditam no amor e que querem uma uniao de respeito, cumplicidade, fidelidade e harmonia, enfim, serem felizes. EU nao vejo felicidade em estar flertando na rua com todos e a cada dia estar com um diferente, pois no final o que ímpera é o vazio nos momentos de solidão.

  • Anônimo

    Duvido muito que dirija bem. Mas o resto estou de acordo.

  • Anne Pearson

    Mulher chata, homem chato, texto cha…zzzzzz zzzzzz zzzzz…

  • Anônimo

    Lendo os comentarios, vi muita mulher criticando homem que nao lava a louça, que quer encher de filhos, e bla bla bla… Acho o seguinte, sou casado, minha mulher só pensa em arrumar a casa, coisa a qual eu ajudo, lavando a louça, cuido sozinho da nossa cachorra, sou o responsavel pelo carro, pois sim, para muitos que estao ai nos comentarios chorando, nesse momento gostam de dizer: “ahh mas o carro é responsabilidade do homem”. Digo com total certeza, existem mulheres (assim como a minha, que só pensa na casa, coisa que esta complicando o relacionamento) que só pensam em responsabilidades, e sao QUADRADAS, sim, mais que muitos homens, porem ao mesmo tempo, querem ser independentes. Eu sou um cara jovem, gosto de fazer coisas que meus pais nao faziam, sem horario, sem momento para parar, porque alguma norma do tempo das cavernas, diz que isso é errado, faço as responsabilidades da casa, mas minha vida nao gira em torno disso. Fica aqui meu “desabafo” de que voces mulheres, tambem precisam deixar de ser quadradas, viver mais a vida, deixar a louça acumular uns 2 dias, lavar ela… 3h depois do almoço, no MINIMO, nao levantar da mesa e ja ir lavar, porque a regra mental de voces diz que tem que ser assim. Para completar, nao queiram o melhor do machismo e o melhor do feminismo, deixando apenas as partes ruins, que voces nao gostam, para nos homens.

  • Léo

    A verdade é que sobra mulher pra homem independente e bonito, e pra mulher independente e bonita tá faltando homem, aliás, tá faltando homem pra qualquer tipo de mulher, eu vejo pela minha irmã, que é gata, inteligente e não namora a 3 anos. Hoje a vida é muito boa pro homem solteiro, e as mulheres de certa forma gostam desses tipos de homens, daqueles mais ousados, exibidos e que se mostram confiantes, pq esses são disputados e difíceis de serem pegos e encoleirados, aí elas acabam se machucando em tentar prender um homem desse tipo, enquanto as mulheres ditas independentes, só pq passaram num concurso público e tal, ficam a espera de um homem, e nem se quer chegam perto ou se envolvem verdadeiramente com esses solteiros independentes, por medo de terem o seu eguinho (que é o da tamanho de um trem) feridos. Mulheres em geral sempre foram e sempre serão inseguras, e tudo que elas querem é um homem seguro, mas como hoje a maioria deles estão mais afim de casamento, as coisas complicam, hoje um sexo sem compromisso é fácil, e o homem não tem aquela necessidade enorme de ficar agarradinho, vendo filminho e dormindo de conchinha. Claro que tudo que eu tô falando aqui é de forma GERAL, generalizada, como o próprio texto diz, existe todo tipo de homem e mulher, e certamente em algum cantinho aí escondido sempre se encontra uma pedra preciosa, mas aí a mulher ou o homem precisam de astúcia pra saírem dos padrões e pre conceitos e analisar o outro não só pq ele fala muito, ou se diz fodão, pq existem muitos fodões modestos aí e muitas mulheres acabam perdendo a oportunidade de se envolver com um desses, simplesmente pq sismam em querer aqueles que adoram se exibir. Mal sabe que esses que gostam de se exibir muito são os mais inseguros. rsrsrs

  • Anônimo

    Tem mulher que é chata e não sabe que é chata ou não aceita que é chata. O texto fala de um modo geral, isso não quer dizer que TODAS as mulheres são chatas, más algumas que são, usam a desculpa que não tem homem no mercado. Normal você que é mulher achar esse texto ridículo pois não é a sua realidade, más com certeza é de milhares de mulheres, principalmente às que são independentes e não precisa de um homem pra nada. Se julgam auto-suficientes em tudo e na realidade, um completa o outro de alguma forma. Não tem uma formula para descobrir se o homem ou a mulher será aquela pessoa que te fará feliz do jeito que é, só o tempo para dizer.

  • Para essas abestadas só digo uma frase: ” O homem amadurece enquanto a mulher apodrece”. Fiquem de cu doce, exigente e dando fora em todo cara porque são bonitas hoje… Esse reinado não dura 15 anos e amanhã vai estar dando pro padeiro, carteiro só porque tem um pau duro e nada mais. Enquanto isso, nós com 50 anos vamos estar pegando duas novinhas de 20… O mundo é assim e pronto! kkkkk

  • fatima

    É um ponto de vista, existem outros tantos…não é a verdade final.
    Achei vc um pouco agressiva…
    Falta um pouco de realidade em seu comentário…
    Se for p ficar com qualquer um ta cheio, mas eu não quero qualquer um só dizer que não estou sozinha. Quando aparecer um cara que eu acho legal eu ficarei feliz.
    Te garanto que não sou chata, mas não aceito restos e migalhas…
    Sozinha? Melhor

    • Anônimo

      ahahahahahahah encalhadona!!!

      • para com esse discurso, a amoça do texto tem razão, você amiga Fátima és mesmo uma chata, porq na verdade todos nós somos qualquer um hahahahah, e por outro lado qdo aparecer um cara que v acha legal, os legais a km de distancia perceberam que és uma super chata

      • Anônimo

        Kkkk

      • Anônimo

        hahahahah encalhada²

    • Jacque

      Sabe qual é o seu problema, Fátima? Você não se acha qualquer uma.
      Só que você é. O seu diploma, a sua carreira, a sua auto-imagem não vale nem uma bolsa Louis Vutton pirata.
      Na hora que você baixar a crista e entender que um relacionamento é uma sucessão de concessões e isso requer humildade, modéstia e uma certa depreciação do seu reflexo no espelho, na hora que você enfim, esquecer o mantra que te ensinaram sabe-se lá quando e sabe-se lá se audivelmente, de que você tem que ser um homem sem falo, sem testículos, mas com seios (reais ou não), aí quem sabe…você vai perceber que sozinha, não…não é melhor.

      • Daiane

        Nossa, esse povo é tãao feliz, mas taaao feliz e tããããão bem casado que ainda sobra espaço pra esbanjar grosseira pra uma pessoa que tem uma opinião diferente.

        Quem realmente é feliz no casamento não tem tempo de escrever com tanta grosseira.

      • Anônimo

        Perfeito!! Concordo!!!

      • Anônimo

        Estar com alguém não é tudo na vida, ter alguém é bom mas a vida tem muito mais do que isso SIM.
        E que depreciação desnecessária hein, Jacque?? Por que ela não deveria ter orgulho de si mesma e abaixar a crista e ser modesta? Achei seu comentário horroso “O seu diploma, a sua carreira, a sua auto-imagem não vale nem uma bolsa Louis Vutton pirata.”
        Não, ela não tem que ser um homem sem testículos, ela tem que ser ela mesma e o que bem entender ser.

      • Anônimo

        Uau!

    • Anônimo

      Boa!!!

    • Gostei do seu comentário, Fátima. Ponderado e realista.Sou casada, tenho filhos e entiados ( talvez da idade de vocês) e penso como você. O que adianta se sentir tão segura, tão descolada e ter um chato lavando a louça? Chinelo velho? Todo mundo quer sossegar o rabo? Quem? Essa história de se achar a “F” e falar em nome de todo mundo é realmente coisa de gente “muito chata”!

      • Anônimo

        Boa resposta!!!Resposta de mulher inteligente!!!

    • Anônimo

      Recalcada sozinha

    • davi

      Quem diz não ser chata, costuma ser bem chata. Fato!

      • Anônimo

        Òtimo

    • Liliane

      Concordo com você!

    • Você é a mulher que ela descreveu como chata!”!!! HUahuahauhauhauah Exatamente isso, sua chata!!!!

    • Aline

      Está coberta de razão, Fatima. Como assim? Quem está sozinha, pode não ter encontrado ainda alguém bacana pra se relacionar. Ou ainda está vivendo resquícios da decepção do relacionamento anterior…
      É muito agressiva mesmo…

    • xxx

      “Era uma pessoa igual a cem mil outras pessoas. Mas, eu fiz dela um amigo, agora ela é única no mundo.”

      Os relacionamentos é baseado em escolhas, enquanto vc ficar nesse teu conto de fada de “cara certo” “não ser qualquer um”, vai ficar sozinha ae, chatona.

    • Rafaela

      Voce não entendeu o texto, não foi agressão foi ironia suave e bem vinda, leve e engraçada.

    • Day

      Quem sabe você não soube interpretar de maneira correta o que realmente a colega quis dizer. Acredito que em hipótese alguma a crítica foi às mulheres que estão “sozinhas”, mas sim àquelas que dão como desculpa a sua independência para tal condição. Independência a qual creio que hoje felizmente é a condição da grande maioria das mulheres, não sendo novidade para ninguém, nem ao meu avô e nem ai meu afilhado de 02 anos. Situação mais que corriqueira, falar que tal independência assusta os homens é pura hipocrisia. Assumir sim que ainda não encontrou um cara bacana é uma atitude honesta, porque sejamos francas, todas nós queremos!

    • Anônimo

      Só pelo comentário da pra ver que é uma chá de merda huahuahuahuhua

    • haha

      Chata pra crlho haha

    • Vanessa

      pelas resposta q lhe foram dadas Fatima , não são só as mulheres q são chatas,…kkkkk. o mundo não é perfeito, todos sabemos, ninguém é,…mas creio q a coisa acontece naturalmente é bem mais bacana, quando se sai da internet onde se procura um perfil… acho mais legal a realidade encontros, compatibilidade, e a coisa acontece simples assim,…vai conhece conversa se rolar rolou, pronto, não paciência não é o fim do mundo… e concordo faltou um pouco de realidade, existe vários níveis na sociedade (culturalmente falando) a Fatima tem todo direito de não querer abaixar o dela,…e sim SOU CHATA e encontrei meu amor e estou casada e feliz. foi sorte.

    • Danilo

      Sozinha? Melhor – Quantos anos vc tem ??
      Mais de 30 ?? Se, sim… Ta encalhada… as vezes o “restos e migalhas” é o que vc precisa… Quem muito quer nada tem.. E parece o seu caso….

  • As solteironas encalhadas que eu conheço eram todas LINDAS, LINDAS, MARAVILHOSAS. Era impossível imaginar estas mulheres sozinhas quando se vê a foto delas na juventude. Daí, quando se conhece o temperamento, logo se conclui o porque de não estarem tão bem acompanhadas. Texto interessante.

    • Anônimo

      É isso mesmo, conheço gente assim. É tudo o temperamento.

  • kkkkkkkkkkkkkkk

    Bom esse comentário, mas é verdade que nos fechamos por certas exigências que colocamos no perfil do “homem ideal”, agora o outro lado é que existem homens também que não conseguem conviver com mulheres independentes, não acredito na fórmula geral, ou seja, nem todas as mulheres que estão sozinhas são chatas, nem todas as mulheres exigentes estão erradas e da mesma forma que tem homens que deslumbram por mulheres inteligentes, tem outros que fogem por medo.

    Mas sou a favor de todos buscarem a tampa da sua panela desde que isso o faça feliz e não seja um rótulo para agradar outros, pois desde que o mundo é mundo, relacionamentos são complicados!

    • Anônimo

      Adorei essa resposta!!!

  • Silvia Garcia

    Tem alguns pontos nesse texto que até o torna reflexivo em alguns aspectos sociais. Alguns chego a concordar. Mas na agressividade colocada em si pela autora, como se realmente existissem tantas mulheres sozinhas porque são “chatas” e não considerando um número expressivo em nossas sociedade de homens que ainda vêem as mulheres como “coisa” ou como “acessório”, mesmo com sua independência; de homens que quase acham que estão “fazendo um favor” em estar com uma mulher (quando poderiam estar “comendo todas disponíveis”) e então, pela autora talvez tomar por “mulheres chatas” as mulheres que se tornaram mais exigentes e não aceitarem qualquer “porcaria de homem”, o que fatalmente ocasionou em um grande número de mulheres bem sucessidas e sozinhas. No montante eu só tenho uma frase para dizer com base no texto acima: “A incrível geração de mulheres machistas”. Incluio a autora do texto acima!

    • mayana

      Caramba, ia escrever aqui mas nem vou mais, pq vc escreveu EXATAMENTE o q eu ia escrever. é isso ai… ela só falou do mundinho dela, o que ate concordo,só que ela esqueceu de olhar o mundo ao REDOR!!

  • Isa

    Concordo muito com este texto! Tenho amigas solteiras que fazem essas mesmas reclamações. Eu acho que por mais que as mulheres sejam independentes, inteligentes e viajadas a cada dia….elas ainda procuram um príncipe encantado, aquele homem lindo e perfeito em todos os aspectos. NÃO EXISTE!!!! Nem homem e nem mulher perfeitos. A partir do momento que essas “solteironas chatas” aceitarem isso, elas encontrarão vários caras legais por aí… Eu já tenho o meu há 9 anos e não largo mais!!!! Bjs

  • Anônimo

    Queridas, não sou mulher machista ou feminista, mas estudos mostram que para cada 1 homem há 11 mulheres disponíveis. Esta porcentagem não é favorável, a mulher não está um relacionamento sério, não é pq ela é chata ou coisa e tal, é por que falta homem no mercado, fora os que tem opção sexual diferenciada… ai veja como o video de stand up que vi esses dias, fica um homem e 22 mulheres disponíveis kkk…. Ainda bem que o meu eu já recolhi e sou casada, também não sou a favor da bigamia…

    • Anderson

      Garanto a vc que tem um monte de homem solteiro apesar das estatísticas.

  • Natália

    Queridas, não sou mulher machista ou feminista, mas estudos mostram que para cada 1 homem há 11 mulheres disponíveis. Esta porcentagem não é favorável, a mulher não está um relacionamento sério, não é pq ela é chata ou coisa e tal, é por que falta homem no mercado, fora os que tem opção sexual diferenciada… ai veja como o video de stand up que vi esses dias, fica um homem e 22 mulheres disponíveis kkk…. Ainda bem que o meu eu já recolhi e sou casada, também não sou a favor da bigamia…

    • Eduardo

      Erm… na verdade existem mais mulheres que homens no mundo. Pode ver estatísticas. A chance de se ter uma filhA é maior de que se ter um filhO.

      • Anônimo

        No brasil nascem mais homens que mulheres veja ibge

  • Plotino Rodrigues

    Inclusive… deveria haver uma lei que desse proteção ao homem contra a violência doméstica. A mulher muitas vezes nos ataca com falsas acusações e nos chamando disso e daquilo. A lingua afiada de uma mulher as vezes lhe rende umas bofetadas, mas é claro que um homem não sabe se defender de outro modo, porque nem acredita no que está ouvindo e logo a sua reação de troglodita é repudiada e considerada criminosa. Já desisti de namoros por causa do temperamento dela. Assim que detectava o defeito já pulava fora. To fora de mulher chata e briguenta.

    • Isa

      Aí você está desviando o assunto para outro lado… Um relacionamento vale a pena quando se tem respeito. E respeito não tem sexo, ou você tem ou você não tem! Se algum dia você bateu em alguma namorada sua, me desculpe…você perdeu a razão!

      • Marcelo

        Nice.

  • Anônimo

    Gente….qual é a diferença de alvejante e água sanitária?! Aos 41, ainda não sei! Logo eu, uma mulher semi in-dependente, ainda adepta das velhas crenças de que são, ambos, as mesmas coisas! São opções! Eu tenho um companheiro a exatos 20 anos, idade do meu filho! Sou assim, semi- feliz! E sou chata. Mas nem tanto!

    • Isa

      Se não estou enganada…o alvejante não precisa necessariamente ter cloro (Vanish) usa-se para lavar as roupas em geral, até as coloridas. Água sanitária tem cloro e estraga as roupas (Kboa), normalmente usa-se em limpezas da casa mesmo.

  • Achei o texto muito agressivo, preconceituoso e incoerente.
    Incoerente porque ela diz que a desculpa inventada para se estar sozinha é uma só (no caso o fato de ser independente) e termina o texto definindo de uma forma só a mulher que está sozinha como chata.
    Existem muitos homens que sim tem medo de mulheres independentes e muitos outros que procuram mulheres independentes, depende muito da sorte e afinidades de cada casal, assim como com certeza existem muitas mulheres chatas que se enquadram nesse texto, posso até mesmo ser uma delas.
    As experiências de cada uma comprovam cada um dos lados, eu por exemplo já tive um parceiro que se recusava a me contar o salário dele, até ai acho normal, porém quando ele passou a ganhar mais do que eu só faltava colocar no jornal. Se isso não comprovar que ele tinha medo de mulheres independentes eu não sei o que comprova.
    Mas já tive um que cozinhava como o dela e eu lavava a louça, porém não me satisfazia em outros quesitos.
    O grande fato é que mulheres independentes preferem ficar sozinhas ao invés de se contentar com um homem que não satisfaça suas expectativas, que normalmente são mais altas que a da grande maioria. Isso não tem a ver com inteligência ou chatice, na verdade nessa área, independente da mulher o sentimento dita muito mais as ações do que o intelecto, na minha opinião é o que nos difere dos homens.
    O fato é que aprendemos com os nossos erros e acertos, então a parte do texto que fala dos requisitos necessários se torna uma grande lista que quando você encontra alguém porquem se apaixona esquece rapidamente. A grande diferença é que hoje em dia eu pelo menos tenho requisitos básicos que não abro mão nem apaixonada (apesar disso ser comprovadamente dificil), são eles: caráter, educação, interesses em comum e companheirismo. O resto, dá pra se trabalhar.

    Rótulos são perigosos, mas o mais curioso no texto é entender o que motivou ela a escrevê-lo, me parece um texto guiado a uma pessoa especifica e não consigo entender porque alguém que tem uma vida tão completa e feliz assim iria querer atingir uma mulher chata menos afortunada…talvez as coisas no paraíso não sejam assim tão maravilhosas quanto o texto faz parecer.

    • Daniela

      Disse tudo =)

    • Daiane

      Concordo!

      Ter expectativa e preferir ficar sozinha do que qualquer mané não significa, necessariamente, ser chata.

      Quem escreveu isso partiu de um ponto de vista muito particular, não abordou o assunto de uma forma universal, visto que os motivos para uma mulher/homem ficar sozinhos são inúmeros…

      • jl

        Daiane, relaxa!!

    • Julio

      No momento em que você, mulher, começa a reclamar dos homens porque eles não te aceitam, te acham muito independente, ou qualquer outra coisa, e coloca a culpa neles, sim você é a chata. O que a autora quis dizer, e claramente muitos não entenderam, foi: Não são os homens que são o problema, é você! Nisso você tem que concordar, foi o que você escreveu.

    • Anônimo

      Perfeito!

    • Comentário perfeito.

    • Anônimo

      Gostei do teu ponto de vista! E as pessoas podem dar sua opinião sem grosserias, mais gentileza por favor!

    • Eu penso, Mariana, ser bem razoável/justo boa parte do discurso que você retrucou a autora do texto, no entanto, faço ênfase à parte que diz: “eu por exemplo já tive um parceiro que se recusava a me contar o salário dele, até ai acho normal, porém quando ele passou a ganhar mais do que eu só faltava colocar no jornal. Se isso não comprovar que ele tinha medo de mulheres independentes eu não sei o que comprova”. Discordo desta sua afirmação. Vejamos, geralmente o indivíduo homem que se recusa a dizer o salário para a parceira (no caso da mesma está recebendo mais, ocasionalmente) pode ser entendido razoavelmente como vergonhoso para ele; pois para o homem que cresceu com a responsabilidade gerada no simples fato de ser Homem (o macho provedor da família que rigorosamente tem em suas mãos o dever de trabalhar e, em consequência, sustentar a fêmea e a si mesmo) torna-se vergonhoso entender que sua mulher estar fazendo o seu papel. Para o homem a questão não é o fato da mulher viver independente com sua própria renda, ao contrário, gostamos (incluo-me) disto, porém, não suportamos a ideia contraria o que aprendemos. Sabemos que é um pensamento cultural, machista e/ou antiquado, mas nós homens somos alertados desde pequenos (tanto pelos pais quanto pela sociedade) que teremos a responsabilidade maior sobre as costas, pelo simples fato de sermos homens carregaremos esta responsabilidade até o fim.

    • Day

      Aposto que está sozinha!

    • Sr. Opinião

      “O grande fato é que mulheres independentes preferem ficar sozinhas ao invés de se contentar com um homem que não satisfaça suas expectativas”

      Bom, tomara que essas “expectativas” não esteja relacionada a dinheiro/poder aquisitivo/status

      Eu, particularmente, prefiro as mulheres independentes.

    • Débora

      Adorei seu texto ! Sou divorciada tenho dois filhos e sou independente, não sou feia , nem burra mas estou só no momento porque ainda não achei o tal chinelo bom. Já fui bem assediada até tento dar uma chance mas a verdade é que ainda não achei quem fosse legal e que tivesse química comigo. Estou solteira feliz mas ainda procuro um chinelo porque solidão é uma desgraça . Feio ela rotular quem está solteira de chata espero que ela nunca sinta o peso de ser só.

    • Anônimo

      Não vejo nenhum homem do lado de vc na foto, creio que isso ja responda esse texto comentário que vc publicou. Vc é a personificação da mulher descrita no texto e que não tem sequer a humildade de enxergar isso. Só quero que me demonstre no texto aonde a autora diz que é a verdade pura, unica e exclusiva.

    • Anônimo

      O texto é uma “resposta” a um outro artigo, q ela cita no começo. É desse outro texto que vem o estereotipo e visao estreita de mulher solteira. Fora de contexto parece tdo isso q vc falou mesmo. Recomendo ler o artigo original.

  • Anônimo

    Bom meninas, cada uma vive a sua realidade. Pode ser que realmente seja chata, exigente ou qualquer outro adjetivo. Mas eu acredito que muitas mulheres como eu, procuram um homem que acrescentem em nossas vidas. Pois, realmente, hoje em dia somos muito independentes, temos nossa graduação, pós graduação, carro, apartamento, enfim; as vezes, encontramos homens muitos bons de coração, lindos, simpáticos mas que não estão preocupados com a “estabilidade” financeira. Apesar de ser muito lindo, ninguém vive de amor. Esse para mim é um dos maiores problemas. Agora se para alguns isso é ser chata, ok!!!! Nós mulheres estamos crescendo e evoluindo muito mais rápido que os homens e queremos homens que possam nos acompanhar tanto intelectualmente quanto financeiramente.

    • Day

      Comentário desnecessário…minha mãe, que já é avó é bem sucedida há muito tempo. Esse tipo de discussão que enche o saco, quem sabe você só use esses atributos quando tem a chance de conhecer de alguem…carro, apartamento, graduação, blá blá blá… Não mostrando sua verdadeira essência, legal…quem ficar com você, vai ficar pelo que você tem, não pelo que você é.. Mas se isso te faz/fará feliz…boa sorte!

  • Anônimo

    Muitas mulheres querem e vão continuar querendo o homem ideal, o príncipe encantado.

    Existe um velho ditado que diz: Quem muito escolhe sai escolhido.

    Detalhe é o seguinte: Tem bons homens na praça como tem boas mulheres é só abrir os olhos e deixar de futilidades.

  • Flavio

    Muitas mulheres querem e vão continuar querendo o homem ideal, o príncipe encantado.

    Existe um velho ditado que diz: Quem muito escolhe sai escolhido.

    Detalhe é o seguinte: Tem bons homens na praça como tem boas mulheres é só abrir os olhos e deixar de futilidades.

    • Paula

      isso é verdade! o problema é que mulheres as vezes são gananciosas… existem homens muito legais sem serem formados e sem ter um super emprego.

  • Giordana

    Você também é chata, mas encontrou quem goste. Não concordo com você, mas respeito e defendo o seu direito de pensamento. Vou tomar vinho, sozinha, por opção!

  • Jacque

    O mais legal de ver os comentários aqui é que as chatas vão se entregando.
    Elas não se enxergam como chatas.
    Ô queridas…aqui vai o conselho de uma moça que:

    1 – tem pós em Química
    2 – está cursando Línguas
    3 – Tem 2 filhos (um de um primeiro casamento, aos 20 anos, quando o imprestável me traiu com a minha irmã, 5 anos mais nova e o outro, do casamento atual, de 5 anos maravilhosos)
    4 – 1,75m, 65kg, coração e percentuais de gordura em ótimo índice
    5 – Gaúcha e modéstia à parte das obviedades, excessivamente paquerada e assediada

    Coloquei todas essas ‘credenciais’ porque infelizmente hoje, no mundo das mulheres – ou, das ‘mulhomens’, como as chamo para o meu marido, isso conta tanto quanto o tamanho do falo, expresso de forma subjetiva em ‘n’ comportamentos masculinos ao longo das eras.

    Sempre fui amiga de homens, nunca quis competir com eles e sempre soube diferenciar muito bem o que queria, primeiramente, da VIDA porque tive as amizades certas, com as pessoas certas.

    A mulherada de hoje vive a respirar o CO2 uma da outra e se intoxica com a conversinha materialista, inócua e que nunca se assume ser o precursão de ‘querer ser como os homens’ – materialmente, socialmente, culturalmente. Essas malditas rodas de mulherezinhas, no colegial, faculdade e nas festas, com todas se gabando de conquistas fictícias ou futuras.

    Antes, pelo menos, na “Era das Amélias”, as histórias eram desde bolos a prendas realizadas. Até mesmo na “Era das Peguetes”, as medalhas iam pra ‘quem catou fulano’ ou ‘quem catou mais’.

    Hoje em dia, a conversa das mulhomens é outra. E são umas infelizes.

    Minha mãe foi da Era das Amélias, minha tia foi da Era das Peguetes (ela é 18 anos mais nova que a minha mãe) e minha avó, acredito, foi da “Era da Roca de Fiar”. Resultante: são mulheres que, apesar das disparidades, VIVEM, VIVERAM, são e foram felizes, em ótima medida, tanto psicologicamente, quanto sexualmente.

    Já fui ingênua na minha vida – a prova está no meu primeiro casamento – e nunca me condenei por isso e nem gastei, nem se pudesse, fortunas com terapeuta pra superar. Menstruo como todas vocês, passo vontade e como chocolate, doces, traio minha dieta e minha consciência, até o meu marido, mentalmente, umas 5 vezes por ano, ao menos.

    Nada disso me deixa feliz, mas eu não sou um celular de última geração, acetinado e cheio de recursos, caríssimo, sobre o qual exijo desempenho ‘top’, à altura do valor. Sou humana, me aceito, me olho, me condeno e me felicito, nem sempre na mesma medida. E aceito, olho e felicito meu marido por ser assim, da mesma forma que fiz com o anterior.

    O fato é que eu continuo em conexão comigo mesma, como sempre estive, mesmo avassalada por um processo destrutivo de separação e traição e não porque eu seja excepcional, mas porque eu me conheço, ao dizer a mim mesma o que eu sou, desde SEMPRE. Não foi a Faculdade que fez isso, nem o meu chefe, nem o meu diretor. Sou eu que continuo dizendo, aliás.

    Não é a sociedade – o meu círculo de “amigas” – e nem o lixo do meu diploma que fazem isso e nem as minhas perspectivas materiais. Não olho pra eles como um espelho de mim mesma.

    Vocês, minhas queridas, me desculpem a sinceridade – são chatas porque estão vivendo em outro planeta. O planeta do fazer e não do viver. Abaixem a bola, por assim dizer…assumam aquele velho papel poético que as mulheres sempre exerceram, reconheçam seus limites e mesmo que vocês não necessariamente se sintam culpadas por traírem o tal ‘progresso’ que as mulheres tem feito, a galopes, em especial na última década, pelo menos sentirão que são fiéis a vocês mesmas.

    • Você é a perfeita, tenho dó de pessoas como você, pois pensa que esse mundo que vive é a única realidade….ohhhh quem não pensa com eu é chata!!!! as Chatas se manifestando!!!!!! futil é isso que você é…rsssssss

      Quando o mundo entender que pessoas são diferentes e isso não as tornam chatas ou legais, ai sim poderemos rotular, enquanto isso não acontece, respeitar a opinião das pessoas ainda vai ser a melhor opção…………. conheço mulheres casadas, que riem, brincam, são inteligentes, bem sucedidas e tem um par de chifre na cabeça, não que ache isso certo, mas existem chatas que muitos a enxergam como legal e legais que muitos as enxergam como chatas. Diferenças apenas diferenças, escolhas apenas escolhas!!!!!!!

      Ah e conheço uma chatona, brava, rabujenta, que briga por qq coisa e está bem casada….rssss

      • CONCORDO !!! PLENAMENTE !!!
        O texto dá a entender que toda mulher acompanhada não é chata ! E se estiver sozinha, pode crer que é uma chata !!! Texto super tendencioso !!!

    • Daiane

      Com todo o respeito, achei o seu comentário bem infeliz. Comprar a ideia do texto e achar que nos comentários diferentes da ideia do texto “as chatas vão se entregando” – como você escreveu – é, no mínimo, desanimador, ainda mais escrito por uma mulher.

      Eu namoro, pretendo casar, ter filhos, constituir uma família. Entretanto, compreendo perfeitamente quando algumas amigas E amigos se sentem sozinhos. Não é fácil encontrar um parceiro, uma pessoa bacana pra dividir as coisas boas e ruins da vida, os problemas e as alegrias, etc etc etc..

      É fato que muitas pessoas idealizam um príncipe ou uma princesa encantada, mas a grande maioria realmente NÃO conseguiu encontrar o seu par ideal. Pra uma mulher ter alguém não precisa, necessariamente, que ela abra mão das coisas que ela entende como importante.

      Ora, se eu considero como importante uma pessoa com a qualidade X, eu não posso me dar o direito de ficar sozinha? Tenho que ignorar a ausência de tal qualidade apenas para não ser chata (como o texto diz)?

      Como eu disse, hoje em dia não está fácil pra NINGUÉM (nem homem e nem mulher). Há muitos fatores e interesses que interferem na vida de cada um e esse texto resume tudo atribuindo a mulher uma chatice que, na maioria das vezes, não existe.

  • Anônimo

    Particularmente não vejo nenhuma independência das mulheres. O que houve foi uma mudança de dependências.
    Se antes elas eram cobradas para manter a casa limpa, as panelas areadas, os filhos bem arrumados, e o jantar pronto para quando o marido chegasse, hoje a cobrança é em ter a bolsa cara, o carro vistoso, o cargo importante, o celular de última geração, etc.
    Se antes era custoso para mulher receber um comando de seu parceiro, hoje recebem na cara o dedo em riste dos chefes e patrões e se submetem a isso para não perder o emprego. Isso sem falar de ter de estar a disposição da empresa vinte e quatro horas se quiser galgar algum degrau.
    No fundo só se trocou uma dependência por outra, só que agora está muito bem maquiado com ar de “eu faço o que quero”. Isso porque criou-se a falácia de que o sucesso pessoal é melhor que o sucesso coletivo.
    Quero deixar claro que não estou defendendo aqui o modo machista dominante de antigamente e acho ótimo que as mulheres estão cada vez mais ocupando espaços em qualquer atividade. Mas, tudo tem seu custo.
    Na busca do sucesso pessoal, uma vida coletiva, ou seja, ter um parceiro, tornou-se uma tarefa de difícil conciliação.

    Ps… esse é o mesmo dilema dos homens.

    • Luciana

      VC está certíssimo e eu sou mulher! Na vdd não existe essa de independência, pura balela.

    • Exatíssimo !!!

  • Luciana

    Ariston Sal Jr…vc é MIAAAAAAAUUUUU rsrs 😉 fiu fiu
    Beijos

  • Carol

    Acredito SIM que mulheres independentes e bem sucedidas causam uma certa insegurança nos homens. Eu ja fui abordada por vários caras, tanto numa balada quanto na academia, que depois de eu falar um pouquinho de mim (especialmente que sou engenheira e tendo morado 1 ano e meio fora estudando engenharia) o tratamento deles muda na hora, parece que intimida, e eles caem fora sim. Acho que isso causa sim no mínimo um comportamento diferente deles em relação a nós. E nem me considero chata e sem graça, e muito menos uso bolsas caríssimas. Acho que este texto que vc escreveu foi infeliz em bastantes aspectos.

  • Anônimo

    Nossa, cabeça muito fechada ao achar que uma mulher independente está solteira (somente!) por ser chata!
    Chato é ficar cuidando da vida dos outros! Se está feliz com o seu relacionamento, por que se preocupar em encontrar motivos e falar de quem está solteira?
    Tem chata solteira, e tem chata casada também! Tem chato solteiro e casado também!!!
    Li o texto achando que encontraria algo interessante, mas me decepcionei. De repente, seria melhor rever a situação e ser menos preconceituosa, pois existem homens e mulheres, de todas as formas, de todos os jeitos, e muito se leva em conta do porque uma estaria sozinha, não só porque ela é chata!

  • Clayton

    Amigos…..
    Somos seres em transformação, (creio que isso está claro para todos) múltiplos e com infinitas maneiras ou referencias de enxergar a felicidade, de ver a vida, de ver-se inserido em um contexto social, entre um bilhão de outras definições. Portanto, chatice, opções, consolo, desculpa, escolha, metas pessoais, profissionais, análise cronológica ou psicológica da própria vida. Tudo isso, são fatos geradores e transformadores de nossas próprias vidas, que muitas vezes nos dá a sensação de que estamos no controle de tudo, quando somos vítimas ignorantes do acaso e achamos que podemos sempre decidir a trilha que vamos seguir. Quão ingênuos que somos, esquecemos do imponderável, que é a característica mais forte desse terreno em que estamos sendo trabalhados. Sim podemos escolher estar com alguém ou simplesmente ficar sós. Sim claro, mas somos limitados, pois ao passo em que escolhemos algo ou alguém, renunciamos outros e inerentemente somos colocados na prateleira da vida.
    Todos aqui nessa discussão estamos matematicamente certos em nossas afirmações em dado momento, pois já presenciamos ou vivenciamos esse assunto de certa forma.
    Agora minha opinião sobre a “Nova Mulher” nessa fase de rápida transformações em que concomitamos é breve, bem sucinta mesmo.
    “Para cada “mulher nova” existe um “novo homem” que igualmente às mulheres também participa e por vezes sofrem com todas essas mudanças e inclusive que tentar entender e se adaptar as transformações que nos habita cada vez com mais rapidez”.

  • Rebeca

    Uau, Mariliz, sinto que está equivocada, e aconselharia que saísse da sua zona de conforto e começasse a analisar as questões em geral. Bom, o primeiro equivoco no seu texto é a posição em que você coloca mulheres e homens, você coloca o homem em uma posição de escolha, em que ele pode escolher a mulher (ou deixar de escolher no caso dela se “chata”), enquanto a mulher, está sozinha PORQUE É CHATA e nenhum homem a quer (e não porque escolheu estar sozinha porque os homens que tem conhecido não a agradaram, ou foram chatos também na opinião dela), mas ela usa a independência e a falta de homens que a agradem como “desculpa”. Por que uma mulher não pode estar sozinha por escolha também? Pelos homens que a rodeiam terem defeitos dos quais ela não quer conviver?
    E é aí, querida Mariliz, que aponto seu segundo equívoco. Pensando nos meus relacionamentos anteriores, particularmente, eu tive um ex namorado que não aceitava que eu usava decote ou short curto junto com ele, pra ficar do lado dele, por medo que outros caras olhassem, mas ele podia andar sem camisa enquanto outras garotas olhava, e você que tem o seu relacionamento e me parece uma mulher inteligente deve reconhecer que os olhares dos outros para você não é prejudical ao relacionamento uma vez que você não está olhando para o outro e vai manter a sua fidelidade independente das intenções alheias, porém, o meu ex namorado, e muitos rapazes por aí, se sentem no direito de querer controlar as vestimentas da companheira, mas a companheira não se preocupa, ninguém vê nenhuma vulgaridade, sensualidade, ou perversão quando é o rapaz quem está de roupas curtas. Depois que terminei com esse ex namorado, saí com um cara que parecia interessante, mas ELE terminou comigo, porque não gostava que eu me sentava ao lado dele e dos amigos, bebia como ele e os amigos, e conversava e falava besteiras e de futebol como ele e os amigos, queria uma moça tímida e meiga, que ficasse quieta sempre à sua sombra, e se envergonhasse com as besteiras que os amigos falavam ao invés de rir e se divertir com eles. Não nego as exceções, você pode ter encontrado um, eu encontrei um, mas o fato é que os relacionamentos anteriores foram terminados porque não abri mão de ficar a vontade e ser quem eu sou por eles não gostarem, e acho que essa é a tal independência da qual as mulheres modernas se referem, não mudarem em situações ridículas que os homens não as aceitam pela pressão social da inferioridade e submissão da mulher ao homem, e vc tem que encara, em situações que os homens exigem atitudes de mulheres que pareceria absurdo elas exigirem deles. Dei o meu caso, mas você tem que reconhecer, hoje, ainda, homem se sente no direito de trair, de enquanto namorar ir pra balada sozinho, ir pro bar com os amigos pós expediente, esconder o celular/ redes sociais da companheira, até assistir pornô, e quando é uma situação contrária da mulher fazendo isso, parece um absurdo. Se quiser maior embasamento, procure relatos de mulheres que sofreram agressão doméstica, a posição de inferioridade que estavam em relação aos companheiros, e o motivo da agressão, que geralmente é pequeno passo dessa “independência” que elas buscam.

    • LUISA

      GOSTEI DO SEU COMENTÁRIO CONCORDO

  • aninha

    É meu marido disse que se isso fosse sobre um homem chato teria apenas um comentário ,será mesmo?Falou que falariam assim (quem disse isso?)para ver quem ele teria que chamar para tomar uma cerveja e mostrar como ele não é chato ,tem pessoas que aparentar ser chatas ,mais é só entender o problema dela e vai ver que ela é normal ,não existe mulher chata e sim mulher mal interpretada,bem abraço a todos e até o próximo depoimento,bjssss

  • Celso

    [email protected], pontos de vista, comumente, divergem… O exposto é um deles. Antes de se sentir ofendido, apresente o seu!

    • Jeane C.

      Na verdade Celso, entendo que a colunista ofendeu geral, afirmando que, quem esta sozinha é porque é chata. Texto radical e grosseiro.

  • Fatima (não é a primeira hahaha)

    A única coisa que quero saber é qual o contato do Arthur, Marco, Fernando, Rodrigo e do João. Quem está querendo relacionamento sério e quem é realmente solteiro. hahahaha

  • tiago

    Não aguento esse blá blá blá vazio de sentido, mas ao mesmo tempo abarrotado de feminismo. Texto muito radical, não sei se te dou parabéns por ser assim ou se dedico pra você um troféu joinha…

  • Jeane C.

    Sou obrigada a opinar, coisa rara… Pois bem, a referida colonista esquece de um grande detalhe: Já somos em torno de 20 a 30 mulheres para cada homem, sem excluir desta conta os gays, que aumentam a cada dia mais. NADA CONTRA gays, tenho amigos lindos e maravilhosos, mas tem que ser levado em conta “nesta conta”. Não é porque você encontrou a seu “chinelo velho” que determina ser chata a mulher que não encontrou. Pelo visto a colunista levou em consideração o mundinho dela e mais nada. Enfim, levando em conta esta realidade meu bem, as mulheres estão sozinhas por dois motivos: Não querem ser amantes ou não querem se sujeitar a relacionamento medíocre só para dizer que tem alguém.

  • namoro é coisa séria

  • LUISA

    QUERER ESTAR SOZINHA É OPÇÃO DAS MULHERES E DOS HOMENS E ISSO NÃO SIGNIFICA
    SER CHATA

  • Paula

    Nada ve isso ai, conheço muita gente beeem chata que é casada.

  • Mag

    Respeito esse ponto de vista, concordo que homem não falta no mercado, o que falta na prateleira é um produto de qualidade. O padrão de qualidade atual está muito baixo. Tem mulher que aceita qualquer coisa e depois sofre com as consequências de suas escolhas e tem quem prefira esperar mais e ficar com um “menos pior que outros” porque defeitos todos tem é preciso ser flexível e aprender a lidar com as diferenças quando se ama de verdade. Da pra dividir os homens por departamento: os vagabundos que não trabalham e querem um encosto, casa, comida e roupa lavada, os viciados em drogas com mudanças repentinas de temperamento, tem os que bebem de mais e só incomodam, os baladeiros que só querem curtir sem compromisso, os casados que querem aventuras amorosas, os que só querem tirar vantagem sexual quando conhecem uma mulher, homens que não tiveram muito acesso a educação e são rudes, grosseiros, estúpidos, tem ainda o tipo obsessivo, ciumento, violento, neurótico que pode vir a perseguir e até matar a mulher em casos extremos. Sem falar naqueles com outra opção sexual. Por outro lado tem bons homens, trabalhadores, sérios, inteligentes, carinhosos que sabem tratar uma mulher bem, porém quando a mulher acha um se agarra logo e não larga mais… A melhor coisa é pegar o cara novinho com 20 poucos… sem vícios… depois dos 30 os que estão no mercado são de caráter duvidoso, se estão sozinhos alguma coisa tem… da pra desconfiar…. mas também não podemos generalizar, é preciso conhecer melhor pra dizer…..

  • Anônimo

    Quer saber homens e mulheres sao chatos exigentes sim,( nem todos (a) ).A maioria dos seres humanos querem buscar perfeicao em seu companheiro (a).Ai e que vem a frustracao,homens e mulheres acordem ,cada um tem seus defeitos suas manias ,se formos olhar defeitos meu!Temos um monte ,se formos ficar reparando nos defeitos vamos ficar sozinhos mesmo, e chatos isso vale pra homens e mulheres.Facam um esforco e olhem alem da aparencia,observem o coracao as boas intencoes o carater ,nao so a beleza exterior ,porque isso vai acabar ,permitan-se observar e serem observados ,tomem tempo pra conhecer uma pessoa a vida anda tao corrida que ate pra relacionamentos parece que queremos tudo pronto,uma pessoa montada da maneira que imaginamos,por isso que muitos relacionamentos se nao a maioria nao da certo ,por que exigimos perfeicao do companheiro(a).Isso exige tempo, facam uma experiencia tomem tempo para conhecer uma pessoa .Tenho certeza que se fizerem isso serao bem sucedidosRepito olhem alem da aparencia?Escrevi o que penso ,desculpem dos erros hortograficos ou ortograficos rsrsrs errar e humano.

  • Letícia

    Pras mulheres que não gostaram do texto, só digo uma coisa: você está sozinha por que não encontrou alguém do jeitinho que você procura? ok. Mas entenda, então, que você está sozinha porque quer. Que as expectativas construídas são suas, e não tem nada a ver com falta “de homem bom”. Ficar choramingando coisas desse tipo por aí é realmente um porre, e acredito que a autora do texto se dirigiu aquelas mulheres que costumam fazer isso.

  • Eu não necessariamente concordo com o texto da autora, mas, uma coisa é certa: a maioria das mulheres solteiras na casa dos 30-40 anos que eu conheço é BEM problemática… Parece que há um grande descompasso entre seus relógios biológicos, a pressão da sociedade para que formem logo uma família e as suas próprias aspirações. Na prática, o que resulta deste descompasso são mulheres, não independentes como elas mesmas acreditam ser, mas carentes, instáveis e, até certo ponto, revoltadas com os homens/sociedade/universo/etc. Ainda, o que mais me deixa perplexo nestas mulheres é sua falsa prepotência, a pretensão pseudo feminista que muitas delas têm de dizer que se bastam, que não precisam dos homens, que não precisam de ninguém para serem felizes. Este é o ponto, estas mulheres não são felizes. Uma mulher nesta faixa etária, com quem me relacionei, após várias conversas que tivemos sobre o assunto, chegou ao extremo de “abrir o jogo” e dizer que tinha “ódio de quem iniciou a revolução sexual”, pois segundo ela, as mulheres antes disso eram mais felizes e não se davam conta. Volto a dizer que não fui EU quem disse isso, foi uma amiga (colorida), bem empregada em uma empresa multinacional do setor alimentício, pós-graduada, na faixa de 34/35 anos e… solteira.

  • Alan

    Um viva p/diferença, e outro maior ainda p/parceria e vida social, nisso tudo só acho que o lado M foi infeliz em chamar/ofender Mariliz, ao meu ver ela apenas fala de parceria e vida social, a mesma história pode ser invertida, vejo, e é muito comum nos dias atuais, homens e mulheres deixarem de conviver, estou falando conviver, não sobre vida amorosa, tratando pessoas diferentes como incapazes ou como pobres coitados de acharem que vão algum dia ter a oportunidade de conviver, seja lá como for, com elas, por ser tão foda, superior, bonita, inteligente. Triste, ver tanta gente de nariz em pé, e sozinha.

  • Beth Cruz

    Não deveria existir homem X mulher, e sim dois seres que queiram compartilhar a vida juntos, infelizmente a maioria esmagadora dos homens não consegue perceber uma situação assim. Não é culpa deles, já foi provado cientificamente que as mulheres possuem 25 pontos de percepção, e os homens só cinco. Quando eles falam que não percebem as coisas pode acreditar, é verdade. O que acontece que, em função desses apenas cinco pontos de percepção uma grande maioria dos homens tem medo sim de mulheres independentes simplesmente porque são inseguros, FATO. Agora… vamos combinar, né… essa jornalista é muito arrogante e machista

  • eudete

    Mem tudo mundo e iqual mais as situação das mulheres estar sendo quais isso pois os homens só penca ni sim próprio alguns homens penca q um relacionamento e só trabalhos enchei geladeira e não quê saber sim sua companheira tem suas opinião as decizão a ser tomada juntos

  • Daniel

    Excelente ponto de vista! Enfim alguém sensata.

  • Cláudia

    hahahahahaha cansei de ler!!! Vai viver, povo! A não ser, claro, que tenha alguém aqui ganhando dinheiro pra filosofar, além da autora. Neste caso, continue expondo sua opinião e argumentos que vc faz tanta questão de defender.
    A propósito, adorei o texto, uma “agressividade”, como diz a massa aí, que me fez rir! Quanto a minha opinião… serve só pra mim; Se um dia entrar em contato comigo, Mariliz, ficarei feliz em expor pra você!
    Beijo enorme e ó…. beijo no ombro pras recalcadas =*

  • Denilson

    Tive a felicidade de acompanhar a evolução de várias meninas (amigas, vizinhas), que se tornaram adolescentes, depois jovens mulheres e por fim mulheres adultas. Conheço algumas há mais de 25 anos e são amigas, confidentes, cúmplices e fazem parte da minha vida e do meu circulo de amizades próximas.

    Algumas delas são felizes, sejam solteiras, casadas, juntas ou simplesmente paquerando por aqui e por ali, com filhos, sem filhos, com graduação, sem graduação. Enfim, de tudo um pouco.

    Depois há as infelizes:

    -Solteiras
    -Só colocam defeitos nos homens
    -Acham que têm direito a tudo
    -Tudo o que corre mal na vida delas é culpa da sociedade machista
    -Ficam babando pelos maridos das outras, que dizem “tiveram mais sorte que juízo” ao encontrar homem daqueles.

    E por fim há as que se redimem!

    Uma das minhas amigas (garota bonita e bem apetitosa) passou sem exagero uns 10 anos a rejeitar homens, porque nenhum servia (ou tinha queixo grande, ou tinha barriga, ou nao sabia falar, ou falava demais, etc,etc). Era das maiores chatas que eu conheço! E tinha feitio dificil para tudo o resto também (filha única, muito mimada). Chegou nos 30 e qualquer coisa anos, sozinha e meia amargurada com a vida. Compreende-se: as amigas todas casando, fazendo filhote e ela sempre a mesma de sempre.

    Por fim decidiu mudar de postura, em vez de ser chata, foi humana. E finalmente foi feliz! Conheceu um cara 5*, sim tem defeito, mas todos têm (sem ser no photoshop!) e há 10 anos atras ela nem daria bola pra ele. Mas deu, se apaixonou, casou e já tem filhote também! Minha amiga está super-feliz, como eu já não a via há muitos anos!

    Tudo porque deixou de achar que o mundo lhe deve alguma coisa e começou a ver as coisas e as pessoas como elas são e não como ela gostava que fossem.

    Adorei o texto original, deu pra dar umas risadas porque conheço peças daquelas 🙂

    PS: Texto escrito por homem, casado e feliz. Tive a felicidade de conviver (e ainda convivo) com muuuito mulherio sem ser na óptica da paquera, por isso tem-se um boa vista “de fora” do problema 🙂

  • Amiga, eu acho que a unica que ainda vive em 1950 é você. E com certeza levou muito a sério todas aquelas temporadas de Sex and The City com personagens neuróticas, relacionamentos fracassados e historia fictícia.
    Eu, como todas as minhas amigas solteiras, já tive minha miríade de relacionamentos. E todos deram certo do jeito que podiam, e tão errado quanto conseguiram. Não estou sozinha porque sou chata, nem porque sou independente, nem porque homem não presta. Estou assim porque estou. Como todo o resto.
    Somos todos seres humanos com problemas, neuroses, carências, qualidades e defeitos. Alguns querem um relacionamento. Outros não. Outros querem um meio termo. Queremos tudo, e não queremos nada.
    Agora, desculpe se ter um homem na cozinha fazendo comida para você te da a sensação de poder julgar, ou sequer comentar, sobre a vida e personalidade dos outros. Porque o meu arroz e meu frango ao curry estão prontos e eu não me acho melhor que ninguém por isso.

  • Talita

    Só tenho uma coisa a dizer: “O opressor não seria tão forte, se não tivesse cúmplices entre os próprios oprimidos” Simone de Beauvoir

    • Anônimo

      Exatamente isso. Infelizmente UMA machista entre nós.

  • edu

    interessante o texto. todos devemos para de se vitimizar e por a culpa nos outros. viver com leveza e procurar ser feliz: sozinho, juntos ou misturados, rs…

  • Anônimo

    Pensamentos e idéias machistas, ditados por uma mulher, lastimável. Texto de absoluto mal gosto e grosseria. Detestei do começo ao fim. Só te falta um bigode e uma suástica escritora.

  • Um imperfeito

    Como diria o filósofo, o ideal existe apenas no plano das ideias. Homem ideal, mulher ideal… isso, só na nossa imaginação. Na vida real, mulher arrota, peida e às vezes tem cecê. Homem real fica entendiado fazendo as compras que as mulheres tanto amam, e não entendem porque tudo tem que ser tão exageradamente comentado. Claro, falando genericamente. Há homens que curtam essas coisas, mas não existem mulheres que não peidem. Concordo que não se deve aceitar qualquer um nem qualquer uma, mas a lista de exigências de ambos os lados parece não ter fim. Isso, sim, é uma chatice. Conheço casos (de homens e de mulheres) que sonhavam com aquele ser perfeito. E o encontraram. E olha que romântico: ‘ai, que pessoa chata, sem graça, faz tudo que eu gosto, só fica tentando me agradar, aff!’. Paradoxo. Cada um é cada um, e cada um vive a vida que escolheu viver, com suas próprias consequências. Todavia, antes de despejar a culpa EXCLUSIVAMENTE no outro, é interessante dar uma olhada em si mesmo. Os homens são isso ou aquilo, e as mulheres também. E daí? Ninguém vai encontrar a perfeição, simplesmente porque ela não existe no plano humano. Muito menos diante do seu espelho. Se queremos a perfeição, o mínimo que devemos fazer é também tê-la para oferecer. Acho que ninguém perfeito fica reclamando do outro sem olhar o próprio umbigo também.

  • Anônimo

    O erro está em se dizer “Um homem que não presta” “um qualquer” ou “uma mulher que não presta” “uma qualquer”, a questão não é homem ou mulher, e sim pessoas que se encaixam melhor a ter um relacionamento sadio e outras não “prestam” tanto pra isso! Caráter, personalidade, mentalidade, adaptação aos dias de hoje, e aceitação de que todos somos diferentes, isso independe de ser homem ou mulher! Aqui é um ser humano do sexo masculino falando! E digo tem muitas “pessoas chatas!”, assim como eu devo ser um, hahaha! E dai? A felicidade só é completa, quando compartilhada! Abraço!

  • sabrina

    cara que coisa ridicula, a mulher que ta solteira é chata? qnta palhaçada haha por que cada um nao cuida da sua vida e se ja o que quiser? acha que tal comportamento ta errado? blz, nao o siga, mas tbm deixa quem quer agir daquela maneira… como se uma mulher precisasse de um homem pra ser feliz…

  • Anderson

    Impressionante !!! como as mulheres não entenderam o texto!!
    E continuam a serem chatas!!
    Chatas ao escolherem o cara certo!!! sempre escolhem o mais bonito e rico!!
    Quando o certo que vai lhe aceitar e mandar lavar a louça está do seu lado!!!

  • Anotaissoprodiaquedermerda

    Homem quer é transar, e fica com vc enquanto for a melhor opção para dar isso a ele. Mulheres querem homens que completem suas necessidades sociais, e fica com vc enquanto for a melhor opção a fornecer isso a ela. Fim.

  • Fernando

    Tenho notado um grande número de mulheres com uma postura muito antipática,fria,fechada,você nota na linguagem corporal,no semblante,parece que possuem uma auto-imagem muito inflada,não sei o quanto disso é insegurança mascarada por atitude superior.Adoram reclamar da quantidade e/ou qualidade dos homens como se não houvessem mulheres de qualidade duvidosa também.Adotam critérios de seleção muito críticos,irrealistas,perfeccionistas.Por favor,mais humildade,tolerância,esforço para ceder,conceder,Não estou dizendo que precisam aceitar qualquer sujeito,falo de uma atitude mais leve,menos judiciosa,menos demandas de perfeição ou de querer mudar o homem para que se ajuste na sua concepção ideal de parceiro.

  • Pedro

    A visão que as mulheres tem sobre os homens ainda é muito distorcida, pode acreditar nós só queremos te comer e se o sexo for bom a gente vai comer de novo, de novo, de novo e acabar gostando mais do que deveria, a ponto de escolher só você para transar.

    Só bem depois a gente consegue pensar em outra coisa que não seja sexo, mas se for chata ou maluca tem que transar muito, senão todos nós corremos.

    “Só chave de buceta segura um homem!”, os outros que pensam diferente são muito sensíveis pra você ou nunca tomaram uma.

  • Sem duvida o melhor comentario foi sobre o Vanish!!!!!! Hahaha…o resto td mimimi de politicamente corretos…Chatisse não é a questao..em qualquer relacionamento, se ta bom, continuamos. Do contrario, tchau. Simples assim. Sem rotulos bestas pq cada ser é singular. E namorar é tudo de bom! 😉

    • Anônimo

      Vc esqueceu de mencionar na hora do sexo então , tem algumas que são mais chatas ainda!!

  • Erika

    Seu texto até que não e mal mas vc acreditar e se empenhar em escrever um texto baseado nas mulheres que estao sozinha e dizem que estão sozinha pq homens não gostam de mulheres independentes, pelo amor de Deus, não sei chamo de inocência ou esperteza de usar como pretexto pra escrever um texto que tanto valorizou a vc mesma…. Qualquer pessoa por mais boba que seja sabe, principalmente aquelas que respondem assim para o fato de estar sozinha, que isso não é verdade… Estão só pq não encontraram ngm que as amem e que eles o amem tb isso ngm precisa falar neh… Pelo texto vc parece tão legal mas não tem o mínimo de sensibilidade pra perceber que as mulheres que dão essa desculpa falam isso pra não terem que dizer que estão só por falta de opção… Parabéns pelo seu texto eu só percebi que vc é uma pessoa muito bem sucedida e muito bem amada, vc é uma privilegiada!!!!

    • Anônimo

      Muito bem dito Erica!

    • Anônimo

      Erika você leu o texto todo ? Se leu sua interpretação teve falhas. Favor ler o texto todo antes de criticar.

    • Privilegiada uma Ova. Conheço vários casais modernos assim. Aqui em casa mesmo… eu cozinho ela lava os dois trabalham os dois dirigem e os dois pagam as contas. Não é feio se usar de exemplo, feio é achar que sua vida é ruim porque o mundo conspira contra você. Tá na hora da mulherada acordar e ver que a vida delas é consequência dos seus atos e suas escolhas. Deixem de ser chatas e corram atrás do que lhes faz feliz. Se é que vocês sabem o que querem o que eu duvido.

  • Débora

    Poxa eu estou só e não me acho chata. Sou independente, mãe de dois filhos, trabalho duro para me sustentar , divorciada , não sou feia e nem burra. Mas discordo de você , tenho 39 anos e tenho procurado um novo par de chinelo como vc menciona mas tá difícil. Os homens da minha idade muitos são casados , os solteiros querem meninas de 20 com corpão sem filhos para moldar. Já namorei os mais novos para tentar e foi legal mas eles querem ter filhos e acho que não quero mais , então na vida corrida eu realmente não tenho tempo de correr atrás de homem , como vc disse no seu artigo eu quero um parceiro de vida e não um homem qualquer só para contar que não estou sozinha . Um PA todo mundo acha . Não sei sua idade nem a cidade de onde vc é mas espero que nunca passe pela solidão não é nada bom. E sim estou solteira feliz mas querendo um novo par de chinelo não tenho vergonha de admitir mas ainda não achei.

    • Ronald

      me adiciona no face… vai que dá certo… ronaldsantos8

    • Anônimo

      De repente você tem procurado na faixa etária errada, quando não deu certo com os da sua idade foi procurar nos mais novos, se procurasse nos homens com uma idade mais compatível coma sua, por volta dos 50, certamente encontraria muitos caras bacanas e que estão em uma momento da vida, de planos… compatíveis contigo.

  • Santos

    Relacionamentos …sempre excitantes … Texto interessante … comentários melhor ainda !!!

    Para esclarecer sobre estatística IBGE: População do Brasil 2013 = 100 milhões de homens e 102 milhões de mulheres (homens morrem mais cedo por vários motivos)…. mas praticamente a população equilibrada quanto ao sexo. Então amigos, só tem uma mulher pra cada homem, ok ??

  • Adelaide

    A verdade é que a burguesia tem mais mulheres do que homens e isso dificulta o encontro do “par perfeito”. Basta olhar para as classes menos abastadas pra descobrir que as mulheres têm relacionamentos muito mais felizes e realizados. Esperam menos de seus parceiros e não ficam de mimimi. O ponto todo é que homens têm aos montes mas uns não têm o emprego do ano, outros não têm o carro do ano e outros tantos sequer tem carro. Alguém vai ser hipócrita de dizer que as mulheres não ligam pra isso? Claro que ligam, e muito. Especialmente as chatas e solteiras. A verdade é que os ricos e abastados vão querer se juntar às iguais e não há como fugir: o rio sempre corre pro mar.

  • marianny

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…sou uma chata, casada, feliz, realizada profissionalmente e mãe de um filho lindo, e daí ser “chata”…kkkkkkkkkkkkkk

    • bruna

      Sim….na verdade chata mesmo parece a menina que escreveu o texto….kkk

  • Matheus

    Commmmm toda certeza do mundo, mulher que achar ruim esse texto, são as que se sentirem ofendidas por ter se visto falando mal de homens com 3ou 4 amigas em uma mesa de bar, e mostre esse texto a qualquer homem, repito : qualquer! E ele dira o quanto de verdade tem nisso.

  • fernanda

    me desculpa ate que com algumas pessoas tem haver que estao a procura … eu sai de um relacionamento de 5 anos e prefiro passar muitas vezes com meus amigos e amigos do que tentando ser bem sucedida na dança do acasalamento e realmente so vou me relacionar com alguem , quando eu achar que realmente esta pessoa faz bem para mim e quando eu achar que for o tempo certo .. nem porisso me faz uma pessoa chata .. prioridades sao coisas diferentes para cada pessoa! e cada um coloca a mais importante em primeiro lugar .. voce nunca deve ter estudado a cincia sociologia né? é muito complexo voce nao sabe o que é certo ou errado …. e muitos homens gostam de mulheres ”chatas” gosto é uma coisa muito relativa com a cultura de cada um e todo mundo no final encontra aluem porisso eu digo tudo tem seu tempo e hora certa é só nao procurar e deixar fluir!

    • Carol B

      Ou seja, pra toda chata tem um pé cansado. Cedo ou tarde.

  • Anônimo

    mulheres façam boquetes, ha se as mulheres soubessem o valor de um bom boquete!!!!!!

  • Anônimo

    A mulher escolhe o homen pelo que ele pode oferecer e não pelo que ele eh! Quase um favor, ainda mais partindo de uma xata dessas! Pare de arrumar desculpas e vai a luta, os homens sempre fizeram isso!

  • O problema de muitos solitários por aí é o egoismo. Um casamento, ou família, é uma nova personalidade, um ente com vida própria, formada pelos entes que a compõem. Imaginem como se fosse um recipiente de um litro, e você e o(a) cônjuge ambos também são recipientes de um litro: terão que jogar fora parte de seu líquido para caberem na união (o ideal seria ambos deixarem 50% de seu “eu”, e juntos serem 100% novamente, mas essa taxa varia por casal). Quando os filhos vierem, ambos terão que ceder mais ainda, de acordo com o crescimento dos filhos, pois o “eu” deles também entra na conta. Quando alguém naquela união não quer ceder, o problema está posto (geralmente pessoas que se acham hipossuficiente, seja homem ou mulher).

  • Anônimo

    Qual o problema em ser chata? Sou chata e assumo isso. E tenho quem goste de mim mesmo assim.O bom de ser chato é saber que se uma pessoa te aguenta é porque ela gosta de verdade de você…rsrs O negócio é encontrar alguém que nos aceite como somos, com a maioria dos nossos defeitos e a gente aceite o outro como também é, pois príncipe encantado tem unha encravada, chulé, mau hálito de manhã e outros defeitos a mais.

    • Carlos

      vai me desculpar, mas eu sou homem e já conheci vários que aturam mulheres muito chatas, o problema é que eu ainda não conheci nenhum que aguenta mulher chata por muito tempo, fica nessa ai de sou chata e pronto o mundo tem que aceitar, uma hora vc vai ver que não é bem assim, defeitos todos temos, mas ter defeitos saber disso e não querer mudar é a fórmula pro fracasso em qualquer tipo de relacionamento e mais insuportável que mulher chata é quem não faz questão de melhorar como ser humano corrigindo defeitos.

      • Juçara

        Certíssimo Carlos, assino em baixo o que você escreveu, palavras verdadeiramente sábias!

    • Anônimo

      O problema é que insistir em ser chata diminui o prazo de validade da relação.

    • Anônimo

      Já ouvi uma mulher “independente” (mora com os pais e não paga nenhuma conta) que os homens não querem namorar com ela porque os homens não conseguem entender que ela fica melhor sem eles do que com eles e que não conseguem lidar com uma mulher independente…
      Quem entra em um relacionamento pra ser inferior ou inferiorizado? Ela não entende e não sabe o que é um relacionamento com mais de 25 anos e culpa os homens por isso… Relacionamento é pra ser caminhado ao lado, e não um na frente e outro atrás…

  • Danilo

    Hoje eu tenho uma namorada/esposa extremamente especial… Ela me aceita como eu sou e eu à ela, nossas diferenças é que faz a diferença, ela cozinha como nunca e eu lavo louça como nunca…..Eu sou mais estrategista ela é mais objetiva, ela é emotiva eu sou parrudo, ela dorme rápido eu espero ela dormir…….Esse negócio de que a mulher tem XY e que não precisa do homem, não está levando a nada. Vcs tem que parar de procurar o homem perfeito, pois não existe homem perfeito “O TEMPO TODO”…. As vezes eu do uma vacilada com a minha namorada, mas tento compensar no outro dia é isso….. Tenho um amigo piranha e conheci diversas meninas que ele ficou, posso dizer que 90% delas é igual a ele… Então mulherada deixem de querer arrumar homem na balada… De repente aquele cara do serviço, quieto, trabalhador é o cara. E PARA ESSA MULHERADA QUE FICA EM MESA DE BAR, SÓ UMA COISA, VÃO LAVAR LOUÇA, QUEM SABE APARECE UM HOMEM QUE FAÇA ISSO POR VOCÊ.

  • Anônimo

    Textinho fraco, machista e mal escrito. Essas mulheres que acham que devem ser machistas para serem bem sucedidas, essas sim são as mais chatas.

    • Anônimo

      ja vi que deves ser uma CHATA kkkkkk

    • bruna

      Concordo! Texto com péssimos argumentos mostra que vem de uma pessoa bem ignorante. Voce pode criticar a atitude de uma mulher mas a forma que foi escrito o texto parece que esta menina nao esta muito bem resolvida com seus proprios relacionamentos…..

  • As pessoas acham que só há uma alternativa na vida: ter alguém. Ninguém se acha suficiente para si mesmo. Buscam alguém para preencher o vazio, e antes de fazer alguém feliz, buscam alguém para fazê-los felizes. Pra mim, isso é ser chato. O egoísmo é oura chatice.

  • Anônimo

    Cara, como você conseguiu em parcas linhas definir o mal do século. Sou gay, bem resolvido, casado, bem sucedido… mas tenho mais amigas que os dedos da mão com essa mesma ladainha… a medida que eu ia lendo, não sei se eu vibrava ou identificava uma por uma, o mais engraçado é que, por ser amigo, apesar de elas não gostarem de ouvir, cheguei a mesma conclusão que você… SÃO É MUITO CHATA

  • Mariana

    Chatérrimo esse texto! Cada um é do jeito que é… Não precisava desse texto bobo; perdi meu tempo lendo tanto blá blá blá. A mulher que escreveu isso também é mais macho que tudo, além de chata pra c… Ficar criticando o comportamento dos outros… chato demais isso! Cada um está sozinho por seus próprios motivos, não tem como generalizar!

    • Anônimo2

      Ser chata é uma coisa, ser chata pra sempre e acreditar que as pessoas são obrigadas a aceitar isso é outra. Vários homens podem aturar, mais nenhum deles vai aguentar por muito tempo, nem um homem beta, muito menos o alpha. Existe uma diferença muito grande em procurar alguém pra ti fazer feliz, e encontrar alguém para conviver e compartilhar. Falta compreender seus próprios erros e corrigi-los para poder evoluir, é um ciclo natural em nossa humanidade, do jeito que você fala até parece que está fazendo um favor ficando com os homens que passam pela sua vida.

    • Chatérrimo esse texto! (aplausos!)
      Cada um esta sozinho por um motivo, não tem como generalizar. (aplausos de novo!)

      Generalizar a educação de uma ou mais gerações baseada no pensamento evoluído da família dela é muita presunção. Aqui em casa meu irmão e eu fomos criados para termos parceiros, companheiros, pessoas com quem realmente dividamos a vida. Mas meu vizinho não, acha que homem não deve fazer nada em casa, ajudar em nada, e que a mulher tem que ter jornada dupla. Essas pessoas existem. Têm 25 anos e existem. E são casadas. Não vamos generalizar e dizer que esses ficam sozinhos ou não por isso, nem que os que pensam diferente estão mais certos que os demais. Relacionamento é encontro, se alguém não encontrou outro alguém a quem se ajuste, vai star sozinho mesmo, usando a justificativa que for. Ás vezes é bem por isso, em lugares errados, pessoas erradas, pensamentos errados, só encontram quem não concorde com seus valores. Às vezes, não, é só uma justificativa, uma desculpa. Mas achar que um textinho de auto-promoção desses (“vejam, basta ser igual a mim que é sucesso”) vai definir 102 milhões de mulheres brasileiras… nossa. É demais pra mim

  • Maira

    Nossa, tudo agora virou motivo de de discussão!! Quanto falso moralismo!!! Aii que gente mais chata!!!

  • Maira

    O Carlos disse TUDO!!! Faço de suas palavras as minhas!!! “Sou chata e pronto.” Manque – se filha, vai se tratar!!

  • Mari

    Achei o texto bem mais ou menos, muito mais preocupado em contar pro mundo como a autora eh. Não da para medir comportamentos pela sua régua Sou cricri e muito bem casada. E hj, se ficasse solteira novamente, jamais tentaria encontrar um outro homem numa mesa de bar. Estamos tão preocupados em discutir as diferenças que nós esquecemos de harmonizar as similaridades, a singularidades.

  • Daniel

    Texto chatinho que nao leva a lugar nenhum, alem da conclusão pífia de que mulher sem homem é chata (causa) e infeliz (consequência) e que uma vida independente nao vai suprir a falta de um macho. Tudo isso dito vagamente, um “quase dito”. Ao que parece, numa tentativa de expressar um desconforto com as transformacoes das relacoes de genero que temos vivido e uma nostalgia da forma plena do patriarcado que já não se encontra tao facilmente por aí mais na sua forma mais pura. Mas, como disse, tudo apenas entredito, para que nao falte subterfugio para a autora quando contestada com o obvio: “ei, num disse isso”. Tambem, esperar o quê de um texto que “quase” relaciona independencia feminina com a posse de uma bolsa cara e a liberdade de conversar banalidades no santuario tradicionalmente masculino, onde nada disso se encaixa?

    • Anônimo

      Traduziu meus pensamentos!

  • O problema não é a mulher ser chata, é sim o homem que não consegue se adaptar a mulher de hoje em dia, porque a mulher de hoje em dia, é a mãe dele independente, que faz tudo, que é capaz de tudo e sempre está ali, pra tudo. Mas quando ele procura uma mulher pra casar ele quer uma mulher submissa, dependente e com pouco ou nenhuma perspectiva, pois acha que essa mulher independente vai tomar o seu lugar, seja no mercado de trabalho ou em casa, como o chefe da família. As mulheres elas sabem que são chatas , sabem que são cricri e que sempre vão ta ali confrontando-se uma com as outras, e é essa competitividade que os homens não aguentam. E muitas mulheres estão solteiras por causa de homens retrógrados que inflam a nossa sociedade. Eu mesma já me vi numa situação que era melhor estar só do que namorando(no momento estou solteira), porque eu quero um namorado e não um filho, se é que vocês me entendem, os homens de hoje em dia, não todos, estão muito dependentes já as mulheres são mais independentes e é esse desequilíbrio a causa tantas mulheres solteiras, mas essa é só a minha opinião.

  • osvaldo

    Texto excelente, é isso mesmo. As mulheres querem e tem tanta liberdade que a maioria não sabe administrar. A grande maioria são extremamente chatas. Ficam com as amigas roçando aquelas bolsas vitor hugo em todo mundo, só pra serem notadas é uma merda. Ficam olhando, rindo, quando VC chega junto em uma Ela diz – VC é quem? Eu digo a gente pode conversar….. Ela volta pra suas amigas num tom sarcástico e diz: o cara quer conversar há há e todas riem da nossa cara.
    Se querem ser iguais a nós, elas tem que levar umas porradas na cara, para ter respeito. Acredito que a casa de baixo meretrício as meninas respeitam mais, e é muito, muito, muito mais barato.
    obs: as mulheres mais chatas, não admitem ser, e se acham só porque tem uma grana, vai pagar um google boy que sai com todos os sexos.

  • Anônimo

    Chatice não é sinônimo de estar sozinho ou não.
    Nem todas as pessoas que tem um relacionamento são legais e nem todas as pessoas que se encontram sozinhas são chatas…essa é uma forma de generalizar as coisas. Concordo em muita coisa do texto, mas a forma de generalizar e separar joio do trigo é uma forma muito “burra” de se olhar as coisas.

  • Se curtisses tanto assim a tua vida, não tinhas necessidade de criticar as outras pessoas. Vai lá fingir que tens a vida ideal. Acabarás por cair da burra como o resto do mundo

  • Adriana

    Não concordo que o homem tenha que se adaptar as mulheres de hoje! Ambos tem que conviver juntos e se respeitar. Cada pessoa tem suas qualidades e defeitos. Cabe a cada um entender o outro e tentar se melhorar. Hoje, estou solteira, mas porque direcionei meu foco para concluir a faculdade e me resolver na vida. Tudo tem a sua hora e lugar certo. Os homens tem medo das mulheres e vice-versa. Somos humanos.. Simples!!! O mundo mudou e todos nós mudamos. Há homens e mulheres de todos os tipos. Eu estou sozinha ha bastante tempo e não busco nenhum príncipe. Apenas não estou focada nisso agora. Posso estar certa ou errada? Não importa! A escolha é minha e não me considero chata. Até porque, sou parceira para tudo! O machismo feminino é a pior coisa que existe! Assim como nós trabalhamos fora, os homens podem cuidar de uma casa. Ambos aprendemos uns com os outros. Assim eu penso! Concordo com algumas coisas do post, é claro. Mas não devemos generalizar!

  • Lucas Simioni

    “- A gente só comhece bem as coisas que cativou – disse a raposa. – Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo já pronto nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm mais amigos. Se tu queres um amigo, cativa-me!
    – Que é preciso fazer? – perguntou o pequeno príncipe.
    – É preciso ser paciente – respondeu a raposa. – Tu te sentarás primeiro um pouco longe de mim, assim, na relva. Eu te olharei com o canto do olho e tu não dirás nada. A linguagem é uma fonte de mal-entendidos. Mas, cada dia, te sentarás mais perto…”
    [O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry]

    As pessoas – homens e mulheres – esqueceram a si mesmas. Desejam alguém para compartilhar a caminhada; para ir ao cinema, para cozinhar, para dançar, para beijar, para gostar, para amar. Mas esquecem o olhar para si mesmas. Para saber quem realmente são, e, então desejarem alguma coisa do outro. Como não sabem o que são, perdem-se no cativar, desejando a entrega alheia incondicional, imediata e despida da conquista progressiva, porque quando não se sabe bem o que se quer, quer-se tudo que se imagina bom. Querem a mulher bonita, gostosa, boa de cama e de papo. Trabalhadora e que lava a louça. Ou o homem inteligente, bonito, sincero, que faz gozar e sabe cozinhar. Mas se esquecem de conquistar isso. E para conquistar é preciso paciência; é preciso tempo: para se avaliar, decidir-se, conhecer o outro e o aprender. E, mais, para se decepcionar, chatear-se e tentar de novo. Seja com a mesma pessoa, seja com uma nova, tudo de novo. Como tempo, paciência, auto-conhecimento e empatia não se compra na internet, nem em pet shop, vai-se ficando só e reclamando que falta gente boa no mercado. Gente boa existe; mas não no mercado e sim em nós mesmos.

  • Anônimo

    Já conheci umas garotas assim.. elas são tão fúteis, que acreditam que nao transam por serem melhores, ou mais desenvolvidas.. nem vou entrar em detalhes, pq acho que a Mariliz já perdeu seu tempo.. Esse tipo de pessoa não vai terminar de ler o texto, irá clicar no anúncio de roupas, ou ver a programação das próximas micaretas ashushaus

  • Sue

    Texto ridículo, simplista, sem propósito. No mundo lindo da autora até parece que não vivemos numa sociedade patriarcal majoritariamente machista.

    • Exatamente! Pode até não ser assim na casa dela, mas a maioria das pessoas foi criada de outra forma.

  • Tantos comentários e pouco conteúdo. Acredito que muitos não sabem interpretar o que a colunista disse. Não, ela não está reclamando das mulheres chatas. Não, ela também não está falando mal das que preferem estar sozinhas. O fato abordado no texto, não é nada mais que HIPOCRISIA. Por quê? Porque a dita cuja à que a colunista referiu-se como “a chata”, está sozinha mas não para de reclamar que está sozinha porque os homens não prestam, os homens são machistas, os homens querem mulheres submissas, os homens não conseguem lidar com uma mulher independente e todo aquele falatório que o mundo está CANSADO de ouvir, porque a fulana é o quê? CHATA. Diz ser independente mas, não entra no jogo. Reclama que não existe homem bom mas aposta no vagabundo criado por vó. Ninguém está falando do defeito de ser “chato/a (ser cri-cri, ser ciumenta, não aceitar tudo etc). A palavra chata no texto se refere às reclamonas, que estão sozinhas e criticam quem é casado, que está namorando e por aí vai.

    Obs.: Antes de abrir a boca e reclamar do texto da colunista, re-leia. Tente entender. Não cometa equívocos. Tenha no mínimo, esforço. Porque se está reclamando e usando argumentos sobre ser chato ou não ser, ser crica ou não ser, ser bravo ou não, já estamos vendo que inteligência você não têm.

  • Tantos comentários e pouco conteúdo. Acredito que muitos não sabem interpretar o que a colunista disse. Não, ela não está reclamando das mulheres chatas. Não, ela também não está falando mal das que preferem estar sozinhas. O fato abordado no texto, não é nada mais que HIPOCRISIA. Por quê? Porque a dita cuja à que a colunista referiu-se como “a chata”, está sozinha mas não para de reclamar que está sozinha porque os homens não prestam, os homens são machistas, os homens querem mulheres submissas, os homens não conseguem lidar com uma mulher independente e todo aquele falatório que o mundo está CANSADO de ouvir, porque a fulana é o quê? CHATA. Diz ser independente mas, não entra no jogo. Reclama que não existe homem bom mas aposta no vagabundo criado por vó. Ninguém está falando do defeito de ser “chato/a (ser cri-cri, ser ciumenta, não aceitar tudo etc). A palavra chata no texto se refere às reclamonas, que estão sozinhas e criticam quem é casado, que está namorando e por aí vai.

    Obs.: Antes de abrir a boca e reclamar do texto da colunista, re-leia. Tente entender. Não cometa equívocos. Tenha no mínimo, esforço. Porque se está reclamando e usando argumentos sobre ser chato ou não ser, ser crica ou não ser, ser bravo ou não, já estamos vendo que inteligência você não têm.

  • Anônimo

    Viva as mulheres chatas!

  • Anônimo

    Amei o texto!

  • Ricardo

    O problema não é ser chata. Somente! Cada um de nós temos peculiaridades. O problema é quando outro se recusa a evoluir, e acredita que é o parceiro que deve fazer tudo, se moldar, enquanto ele permanece estático. Porque ela sim é chata, e você tem que aguentar isso por obrigação. Porém, o que se tolera e se molda, também quer ter a contrapartida. É quando se cansa, em virtude do comodismo da companheira e vai embora.
    É nessa hora que vem a lamentação, e a pose de que “os homens são todos iguais”. Enquanto se lamenta, e visita o face do amado e reclama que a nova namorada do mesmo ” não é tão bonita quanto você”, ou “ele vai perceber que eu sou a mulher da vida dele”. E quando viu, o mesmo já casou, teve filhos, esta vivendo feliz pra caramba.. e ela ainda continua lamentando, sem evoluir uma vírgula.
    O que é isso? A geração que se apega a rótulos que só a mulher evoluiu. Mas, não vamos esquecer:
    hoje o homem: lava, passa, cozinha, trabalha, estuda, cuida de filhos, busca o cachorro.. ops! Tudo que a mulher faz também! Então, quem foi que evoluiu para o lado independente, esqueceu que o homem também beirou o lado “independente”.

  • Pedro

    A autora do texto está claramente tentando se afirmar(péssima tentativa), pensei ler um texto diferenciado quando abri o link, mas não é nada além de um relato pessoal de uma pessoa(aparentemente) muito chata, sem graça e que “caga” regra. Só falou da sua própria experiência de vida(de novo, uma vida bem chata) e se limitou a distribuir rótulos. Realmente, um texto muito pobre.

  • Anônimo

    A autora é a mais chata de todas e ainda se acha dona da verdade. É fácil generalizar as coisas e rotular pessoas…

  • gustavo

    Existem muitas mulheres que vivem reclamando, como citado no texto, (que diga-se de passagem, sensacional) vivem reclamando que não tem ninguém coisa e tal. Mais é impressionante quando elas arrumam um cara o inferno que fazem na vida deste. Existem mulheres que só ficam feliz, quando encontram um cara pra encher o saco dele…..ai sim é felicidade completa pra muitas mulheres. heheheh

  • Papinho de boteco,bem do tipo que não pega nem gripe.Se ela foi na pilha de um cara, este queria justificar o gosto por macho(elas são chatas), se realmente é o que ela pensa, oh coitada, tomou um baita fora de uma chata popozuda .Eu que sei

  • Sara Sales

    Realmente a colunista é uma chata, porém não é uma chata qualquer, é uma chata que se acha muito legal e supõe que o seu modo de viver seja o modelo ideal e perfeito para os relacionamentos. Ah, faça-me o favor! Imagina se há como enquadrar todos os homens e mulheres do mundo em um modelo ideal, e mesmo se isso fosse possível, isso sim seria uma chatice! Me poupe, todos nós estamos a merce da fortuna, e a única coisa que está, fragilmente, sob o nosso controle somos nós mesmos. Ter ou não ter alguém não é nem de longe parâmetro para dizer se alguém e chato ou legal. No mundo tem milhões de pessoas que escolheram não se casar, ir para um mosteiro, ser freira, dedicar a alguma ação humanitária; outras são super legais mas ainda não acharam seu par e ainda tem um milhão de chatas que estão casadas, assim como a autora do texto. Eu mesmo, sou chata, legal, irritada, antipática, divertida…dependendo do dia até louca e estou casada pela segunda vez. Na opinião não existe receita para qualquer setor da vida, não temos opção ou caminho certeiro. Só resta-nos viver e viver…..

  • Daiana Xavier

    Mulheres do meu Brasil. eu ganho 7X mais que o meu marido, e isso não me torna independente dele. Eu saio sozinha com as minhas amigas, viajo sem ele só com a minha mãe e nada disso me torna independente dele. Eu não acho que independência é necessariamente financeira, eu sinto saudades quando to longe, fico feliz com um whats up de “eu te amo” no meio da tarde, e o beijo todas as noites e manhãs. Essa é a unica dependência que eles precisam.

  • Cristiane Bellé

    Mariliz, perfeita sua análise sobre o complexo de superioridade de algumas mulheres (pode se aplicar a alguns homens também) solitárias!
    Penso eu que as que usam desta desculpa, tem tanto medo de ficar só, que usam isso como muleta para divulgar sua solidão.
    Obs.: Sempre me pergunto se as pessoas que leem e comentam artigos na internet sabem realmente ler, pois generalizam tudo, levam para o lado pessoal, usando de uma frase clichê “se não fosse cômico seria trágico”! Interpretação gente!

  • Anônimo

    Em primeiro lugar este texto não está harmônico, falta coerência pois não descordo com a autora quando cita que as mulheres são chatas, mas ela esquece que as maiores queixas é em relação a infidelidade masculina, não é tanto por serem independentes ou coisa e tal , é mais porque muitas já não acreditam mais no amor, pelo visto a autora esqueceu este detalhe que faz toda diferença, porque mulher independente pode até ser chata mas ser passada para trás não existe no vocabulário feminino. Isso sim considero justo.

  • Mayara

    Aqui em casa eu faço a comida e ainda lavo a louça…mas tem outras coisas que ele faz, que eu não faço…não me sinto explorada por conta disso. Acho que do mesmo modo que tem mulheres chatas, tem homens também…conheço muitos. A maioria é folgada e se a mulher deixar, fica tudo pra cima dela…Inclusive, muitas trabalham fora e em casa…dividem as contas, mas as tarefas não. Por isso mesmo sou um pouco chata, às vezes, no sentido de não deixar que me explorem…fico pegando no pé e pedindo pra ele fazer isso ou aquilo, se não…Por enquanto, só ele trabalha fora…mas quando eu começar a trabalhar (em breve) vou ficar ainda mais exigente em relação à divisão de tarefas domésticas. Não quero ser igual a minha mãe e minha sogra, por exemplo, que cumprem 3º jornada de trabalho em casa…enfim…

  • Anônimo

    uma mulher deste tipo ai eu queria so amizade… nao namoraria nunca! pode ser rica… mas amada nunca será! vai ficar pra titia! haha

  • Ana

    HAhahahaha!!! olha querida! great article! mas te digo uma coisa no Brasil tem muito Gays este e o problema!

  • Letícia

    Ah, claro, porque todas as pessoas casadas são divertidas, honestas, lindas, inteligentes e de bom caráter, e todas as pessoas solteiras são zumbis depressivos chatos e nada interessantes. É beeeem assim mesmo que funciona o mundo… Vou te contar…

    • Mary

      Concordo: CHATA É QUEM ESCREVEU O TEXTO. O dia que ela levar um belo chute do homem dela ainda vai querer ser recebida com tapete vermelho no clube daquelas que hoje considera chatas? Por favor… ridícula a autora….

  • Chata

    Texto idiota. Perdi meu tempo lendo. Chata é quem escreveu e, coitado de quem a escolheu. Ah!….se o problema de todo relacionamento e de toda solidão fosse apenas esse: Ser chata!

  • Anônimo

    Penso que o importante é ser feliz, (o que não é realização muito simples), então cada um que viva e seja como lhe fizer sentir melhor, e se tiver a sorte de ser aceito assim, maravilha, senão, como dizia minha mãe querida: O que é do gosto, regala a vida! E ainda, “Para cada caldeirão, uma tampa”.
    E Lucas Simione, eu amo “O pequeno Príncipe”, nunca li nada mais verdadeiro!

  • Aí, a moça que escreve isso tudo, diz que está tomando um vinho, enquanto seu pretendente ou sei lá o quê está lhe preparando o jantar. Tá…! Menos, queridinha. Vai lá comer o seu miojo!
    Da missa, pelo visto, a metade vc não manja!

  • Thiago

    Gostei! Sem comentários.

  • Thiago disse muito bem: “… Acredito que muitos não sabem interpretar o que a colunista disse. Não, ela não está reclamando das mulheres chatas. Não, ela também não está falando mal das que preferem estar sozinhas. O fato abordado no texto, não é nada mais que HIPOCRISIA. Por quê? Porque a dita cuja à que a colunista referiu-se como “a chata”, está sozinha mas não para de reclamar que está sozinha porque os homens não prestam, os homens são machistas, os homens querem mulheres submissas, os homens não conseguem lidar com uma mulher independente e todo aquele falatório que o mundo está CANSADO de ouvir, porque a fulana é o quê? CHATA….”

    Pra quem sabe ler e interpretar, ela foi muito feliz, até pq se colocou no texto. Muita gente se doeu pq é CHATA mesmo, e deve ser intragável. ela citou a si mesmo como um exemplo, como existem outra que comentaram aqui e ninguém reclamou.
    Acho engraçado muita mulher por aí e não são poucas (não estou generalizando), conheço várias, que trabalham e o dinheiro é só delas. Não pagam: moradia (aluguel, iptu, condomínio, taxa de incêndio), luz, gás, telefone de casa, tv a cabo e etc. Algumas tem carro pq ganhou do pai, da mãe ou avó. Se acham as auto-suficientes pq tem dinheiro para as saídas delas todo dia e ainda falam mal dos homens, os quais muitos deles ajudam em casa com as despesas. Assim é fácil.
    Gente chata é muito ruim de aturar, como disseram acima, tem prazo de validade curto.
    O problema é que geralmente a mulher é que fica reclamando e dizendo que não tem homens no mercado. Ainda brincam dizendo que hj em dia, homem bonito, rico, inteligente, fiel e gostoso só pode ser gay. Puro preconceito e pura burrice… recalque de incompetente.
    Tem muita mulher independente boa e solteira por escolha própria, não por falta de homem. Este tipo de mulher, geralmente não reclama da falta de homens (bons homens) pq não lhes faltam.
    A maioria que reclama é chata mesmo, cricri, recalcada e etc. Por isso está sozinha e muitas vezes só pega o que resta e assim mesmo por pouco tempo.
    Existe mulher chata e mulher CHATA.

    Parabéns pelo texto!
    Quem sabe, através dele, muitas mulheres após lerem, entendam pq estão sozinhas e parem de reclamar e mudem um pouco sua vida pra melhor?
    Enquanto outras (inclusive as que se dizem chatas mas não são como as chatas do texto), veem que estão no caminho certo e continuam nele.
    Negatividade atrai negatividade…

    • Anônimo

      Hipocrisia e preconceito estão implícitos na nossa sociedade, infelizmente. Ainda assusta ver um branco com uma negra e vice-versa. Ainda assusta a diferença de idades. E tudo isso ainda acontece pelo mesmo motivo da solteirice das mulheres : somos chatos. E pra gente chata, nada mais legal do que ser chato.
      PS.: eu não tenho paciência pra gente chata desde os meus 22 anos! Hehe

    • Anônimo

      SENSACIONAL!

    • Anônimo

      E meu Parabéns alem da colunista seu texto complementa muito … adoreiiii

    • Anônimo

      É a mais pura verdade, sou casada a 16 anos, trabalho muitooooooo, mas meu marido me ajuda muitoooooo também, temos 1 filho e, eu ele ele abrimos mão de algumas coisas, para poder acompanhar de perto o crescimento do filho e, principalmente educá-lo. Não é fácil, mas com compreensão e ajuda mutua dá certo.

  • Anônimo

    Será q todo mundo qr um chinelo velho p um pé cansado ? Será q é só na dança do a acasalamento q deve se ter sucesso ? Eu qro um chinelo novo… e qro carinho tbm alem do acasalamento…. concordo c mta coisa do texto, mas não é só isso..

    • Italo

      Anônimo, cê não entendeu nada…

      • Anônimo

        Não entendeu mesmo!

      • Zé Roela

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Igor Toth

    minha visao masculina da coisa toda: a Mariliz esta totalmente correta.
    Muitas mulheres por ai ficam com atitudes de “mulherzinha” ( sem mal me entender), e vocês sao mulherões, entao tem que parar com isso. E mais: parem de esperar a atitude inicial dos homens, porque é isso que eu vejo. Então se querem ficar com o cara, fale pra ele, se não querem falem tbm. parem de querer ser bajulada por qualquer homem.
    A coisa hoje em dia é de igual pra igual, mas mata mulher por aí tem atitudes mimadas, e muitos homens não vê isso ou vira escravo dela sem perceber. e então fica ruim para os dois.então seja alguém que saia desse limbo. enfim posso ter falado mta merda ou não mas essa é minha opniao.

  • Um texto muito confuso! Aliás qual é a verdadeira mensagem desta leitura? Tenho 43 anos, sou independente, bonita e feliz. Casei cedo e por uma fatalidade fiquei viúva cedo tbm e com duas filhas menores,batalhei muito e hoje vejo o fruto do meu investimento em minhas filhas bem sucedidas! Namorei muito e abria a porta do meu coração para quem batesse e eu estivesse a fim. Atualmente eu escolho sim, nao posso colocar dentro da minha casa qualquer um, as mazelas da vida não acontecem só no vizinho. Então se não abro as pernas pro primeiro que aparece, SOU CHATA?! Acho que as chatas são cautelosas, bem diferente. São maduras e bem resolvidas a ponto de decidirem o momento certo. Acho que maioria das “chatas” esperam o momento certo! Parabéns que voce se encontra em um momento feliz de sua vida, talvez quem sabe curtindo a plenitude do que VOCE buscou. Aproveite, porque se não vem uma descolada e leva ele, rsrs.Esse papo de mulher ir de sola no homem, na minha humilde opinião, gera controvérsia que daria para rodar o mundo e matar litros de vinho. Enfim, obrigada pela oportunidade.

    • Anônimo

      Moça, vc n entendeu o texto, rs, ela falou o oposto, Vc está incluída nas não chatas pq cuida da própria vida e n fica reclamando. 🙂

    • bruno

      Andrea Gomes, acho que vc interpretou errado. O tema do texto trata de mulheres mesquinhas, fúteis, que se acham muita areia pra o caminhão de muito homem e, por isso, vêm com aquela velha história de que falta homem no mercado. Mulheres assim que, na verdade, querem alguém que as banque, de preferência, alto, bonito e sarado. Mas o que ocorre na maioria das vezes, é que esses homens tbm são fúteis e só querem levar a mulher pra cama. Daí, vira um ciclo. Isso é uma “mulher chata” no ponto de vista do texto. (opinião).
      Pela narração que vc expôs, duvido que vc seja esse tipo de mulher que diz que falta homem no mercado pq não precisa disso.
      Abçs.

    • Raquel de la Rocha

      Caceta! Foi exatamente isso que pensei quando li pela primeira vez. Só pq eu não aceito qualquer homem que tente ficar comigo, eu sou CHATA? E além disso, não posso desabafar com ninguém sobre isso pq vou ser CHATA? Eu hein, nunca vi isso. Muito pior são os homens que alegam “não comer ninguém” e nunca vi as pessoas reclamando disso. Qual foi, gente? Tem cara que, sim, fica intimidado com mulher independente e eu já ouvi isso da boca dos próprios várias vezes. E claro, isso não é regra, mas acontece!

  • Anônimo

    GORFEI
    GORFEI HORRORES COM ESSE TEXTO.

  • excluam meu email por favor, do meu comentário obrigada

  • Anônimo

    Análise olhando para o umbigo é duvidosa!

  • Anônimo

    Que texto mais machista – Mulher é chata e os homens uns anjos e escrito por uma mulher!
    Você diz que bebe whiskey e gosta de futebol e então ? Qual é a relevância disso? Quem não gosta é chata? Não agrada ao patriarcado?
    Verdade que mulheres têm de parar de se queixar e tomar a responsabilidade das suas vidas como fez a sua linda Avó e se valorizarem e não serem dependentes de ninguém, gostar de si mesmas, mais do que qualquer homem a que queiram agradar e você Marília devia seguir o exemplo e parar de querer agradar desesperadamente aos homens principalmente quando para se valorizar tem que dizer mal das outras mulheres. Não te preocupa mais as mulheres que morrem todos os dias nas mãos de maridos e namorados ciumentos porque acham que podem tratar assim a sua coisa? A sua escrava? Já chega de mulher chata machista, não há saco.

    • Anônimo

      Gostei do seu comentário.

  • Teresa

    Que texto mais machista – Mulher é chata e os homens uns anjos e escrito por uma mulher!
    Você diz que bebe whiskey e gosta de futebol e então ? Qual é a relevância disso? Quem não gosta é chata? Não agrada ao patriarcado?
    Verdade que mulheres têm de parar de se queixar e tomar a responsabilidade das suas vidas como fez a sua linda Avó e se valorizarem e não serem dependentes de ninguém, gostar de si mesmas, mais do que qualquer homem a que queiram agradar e você Marília devia seguir o exemplo e parar de querer agradar desesperadamente aos homens principalmente quando para se valorizar tem que dizer mal das outras mulheres. Não te preocupa mais as mulheres que morrem todos os dias nas mãos de maridos e namorados ciumentos porque acham que podem tratar assim a sua coisa? A sua escrava? Já chega de mulher machista, não há saco.

    • Pedro

      Teresa, você é um belo exemplo de mulher da qual a colunista está se referindo. Parabéns.

  • bruna

    Certamente esta menina, sim, pq o texto parece de uma adolescente com raiva de uma amiguinha, nunca leu as feministas.
    “O opressor nao seria tao forte se nao houvesse cumplices entre os proprios oprimidos” Simone de Beauvoir

    • Art

      Lá vem o papo de “opressor”, parece disco arranhado.

    • Mary

      Perfeita resposta! Pobreza de texto e de conceito de vida da autora.

  • Lai

    Uma mulher sem um homem é igual um peixe sem bicicleta.

    • Mary

      Kkk quem postou o texto infeliz vai continuar pensando assim até a hora que levar um fora do homem que (ainda) tem ao lado….

  • Anônimo

    a anonima é uma chata dessas. kkkk

  • QUE TEXTO RIDÍCULO!!!!!!!!!!!!!!! VINDO DE UMA CHATA. A FAMÍLIA É PROBLEMATICA E ELA SE AMPARA NO QUE DEVE TER VIVIDO EM CASA.
    PUBLICA TÁ, SEJA SENSATA.

    • Mary

      Tb acho. Privo de sentido. Sem respeito pelas mulheres.

  • Anônimo

    Acho que o que a colunista tentou explicar pode ser melhor compreendido no texto de Artur da Távola: TER OU NÃO TER NAMORADO Quem não tem…

  • caramba, parabéns pelo texto excelente

  • Mi

    Eu como mulher vejo que esse texto tem muita verdade, mas muitas vezes essa coisa de nao ter homem no mercado ou os homens nao prestao, muitas vezes é quando ocorre da mulher se apaixonar por aquele cara que no momento nao esta afim de um relacionamento serio ou simplesmente nao gostou da mulher. Vejo muito isso pelo o que acontece com as minhas amigas nesse momento e por uma quase consequencia ou talvez nao consequencia, acabam se tornando chatas. Nesse momento estou feliz com meu namorado e compreendo como é justo lavar a louça depois de comer um ótimo jantar! ?

  • Anônimo

    A pessoa que escreveu isso é uma chata.

  • anon

    Mulher quando fica sozinha, é por que é chata. Não é porque não encontrou alguém com que rolasse uma boa química, não é porque essa mulher possa talvez ser asexual. É porque ela é chata. Não é o caso da autora do texto. Privilegiada, amada, todos gostam dela porque você ela tão independente e legal…Hum-hum.

  • Mary

    Que tristeza de artigo! Representa o vazio social atual. Então supondo que a autora leve um pé na bunda do homem dela que simplesmente pode optar pela variedade e não pela fidelidade (como muitos o fazem) ela automaticamente entra para o hall das “chatas”? Por ter gente pensando assim muita gente neste mundo já nem se importa e demonstrar o mínimo respeito por ninguém. A receitinha instantânea da autora é digna de pena!

  • Na verdade, eu trocaria a palavra chata por intransigente, pois eu conheço um tanto de gente chata (na maioria mulheres) que tem cia (casados, namoricos etc).

  • Mary
    Coitado do homem que escolheu esta simpatia de mulher, que ainda se sente na autoridade e direito de julgar toda a classe feminina sob a sua pobre e vazia ótica…..
    (
  • Mary

    Que texto limitado….. Então todo o gênero feminino se divide em dois tipos??? Mulheres chatas e mulheres não chatas? Parabéns pelo vácuo intelectual de quem nos fez perder nosso tempo lendo este ‘texto’.

  • kkkk , muito engraçado tudo isso, a realidade é que as pessoas se cansaram de fingir que vivem bem. O tal valor de família, não se perdeu, ele penas sempre foi uma farsa. Ai você me diz: ” Ah, mas meu pai e minha mãe vivem juntos há 60 anos”..legal, mas será que eles foram feliz realmente ou mantiveram este casamento devido aos valores impostos pela sociedade? Acontece que não existe este papo de mulher e homens chatos, as pessoas são como são , o lance é que hoje ninguém tem paciência para aturar o outro. A partir do memento que não está feliz com alguém, você simplesmente sai fora, portanto as pessoas devem se conscientizarem e parem com esta historia de amor perfeito, pois este não existe, e se existe, com certeza tem prazo de validade. Então galera, vivamos o momento, mesmo que este dure apenas uma semana, valeu!

  • Anônimo

    Ah! A doce ingenuidade…

  • Anônimo

    Esse texto parece típico daquela mulher que, inconscientemente, prefere ficar contra as outras mulheres para mostrar aos homens “sou diferente delas”. Nós acabamos fazendo isso sem perceber e muitas de nós não admitem que fazem isso…
    Obs: Se sua família foi criada de uma forma não pense que o Brasil todo foi criado assim.

  • Fantástico!

  • Aline

    Muito confusa, talvez nem vc saiba oque quer, quem dirá oque os outros querem, só entendi o final, e não concordo em nada, mas respeito sua declaração, cada um tem a liberdade de procurar oque lhe convém, é muito difícil conquistar até pq se fosse fácil não existiria ninguém sozinho!! Não é questões de liberdades femininas ou mudanças, é uma questão de encontrar alguém que quer dar e receber amor, apenas isso…

  • E bem desse jeito, mas tem ângulos, ou pontos de vv vista…

  • Machado

    O que as feministas não entendem é que ao invés de guerrear o negócio é compreender o outro, querem curar uma doença chamada machismo com outra doença chamada feminismo, as feministas não querem igualdade, querem se colocar num pedestal e rebaixar os homens a pó, onde está a justiça aee?? Eu penso que as mulheres tem toda as oportunidades de fazerem o certo, pois querem copiar o homem em tudo, inclusive nos defeitos, pra quê isso?? Um homem não quer uma disputa, quer uma companheira, quem não entendeu isso vai ficar solteira pra sempre, não existe homem com saco pra mulher chata, assim como não existe mulher pra homem troglodita…As feministas mais radicais ou são meninas novas sem experiência de vida, ou são velhas mal sucedidas em relacionamentos ou homossexuais que querem acabar com a concorrência!!

    • Anônimo

      Excelente

  • Carla

    FANTÁSTICO!!!!!! Bj

  • Lari

    Infelizmente ainda existe o pensamento equivocado por parte de muita gente como o Machado, que acha que a intenção das pessoas feministas é “guerrear” com os homens, como ele mesmo citou. O feminismo não opõe (“rebaixar os homens a pó”) nem sobrepõe (“se colocar num pedestal”) as mulheres em relação aos homens. O nome disso é femismo em alguns casos, ou misandria em outros. É triste ver gente falando abobrinha sobre assuntos, sem se dar nem o trabalho de pesquisar para saber a respeito.

  • Anônimo

    A maioria das amigas solteiras que eu tenho com esse discurso, na primeira oportunidade estão mega apaixonadas e colam nos caras de tal forma que eles somem de novo, e elas voltam com o mesmo discursinho…

  • Hank

    Bacana!

    Muitas mulheres não entenderam a mensagem.
    A crônica explana que as mulheres, que costumam pregar o discurso de “Sou Independente”, acabam ficando ‘independentes’ demais na vida, rs.
    Não se trata de seletividade nem nada do tipo.
    Deve-se sim, sempre que possível e de forma racional, escolher um parceiro bacana e que esteja impulsionado a crescer na vida. Ocorre que muitas dessas mulheres que se dizem independentes não estão “abertas” o suficiente para isso, estão desiludidas, achando que o mundo gira ao redor delas, quando na verdade estão com um vazio interior insuportável.
    Tudo isso ocorre, justamente, por se acharem independentes demais, mas, não suficientemente, continuam reclamando dos homens, quando, na verdade, o problema é inerente à sua pessoa.
    Deve-se olhar para o próprio umbigo e esse é o problema das que pregam esse tipo de discurso: só sabem apontar o dedo.

    Há que fugir do feminismo e do machismo, logicamente, mas há atividades que são típicas de mulheres e típicas de homens, enquanto há outras atípicas, Isso é óbvio.
    Um homem que faz ballet, por exemplo, é atípico, assim como uma mulher que jogue futebol, não que não possa, só é diferente.
    No fim, o que realmente importa é a felicidade, sem se enganar é claro.
    E a enganação de si mesmas é o que acontece com as feministas e pregadoras dos discursos de Miss Independence, rs.

    • Hank

      Ladys, abram seus corações (e outras coisas também, rsrs) e sejam felizes.

      Obs: Sem chatice, com moderação e seletividade, é claro.

  • Leia
  • Gabriela

    Pena que o mundo é maior que o seu quintal, onde não basta ser irônica, a mulher tem que lutar pra nao ser diminuída…

  • Alan Gomes

    “Todo mundo quer um chinelo velho pro seu pé cansado.”
    Típica frase de mulher que sentou na rola de meio mundo e procura um trouxa pra ser escravo. E estejam sozinhas ou não a tal da “mulher moderna” é chata demais. Não vem com esse papo de independente não, mulheres dependem bem mais dos homens, do que o contrário, baixa a bola ferinha.
    O melhor é lavar a louça mesmo, lave direitinho. 😉

    • Anônimo

      E é nesse pensamento escroto que se dá motivo às feministas, e qual o problema dela ter dado pra muitos caras (concordo com essa sua afirmação mas não vejo problema nela)? Em sua maioria, homens também não dispensariam a oportunidade de comer várias antes de achar uma parceira final.

  • Rafa

    A falácia de que mulher tende a ser mais chata que os homens, que não é capaz de se divertir está fundamentada numa velha visão da mulher, ligada a educação tradicional e machista. Não se questiona se o homem é chato e sim a mulher. Há mulheres e homens que reclamam da vida, há mulheres e homens chatos (segundo uma visão muito subjetiva do eu que avalio a chatisse) este é um traço de personalidade e não de gênero! Porque como diria Cyndi Lauper “Girls just want have fun”

  • Anônimo

    Querida, se vc quer um homem pra cozinhar pra vc e vc sustentar malandro, libre arbítrio! Eu prefiro pagar uma boa empregada e continuar procurando um homem normal, mas que seja compatível comigo, para dividirmos a vida, compartilharmos tudo. Os homens do mercado são infiéis, folgados, bananas, ganham mal e querem ser sustentados. Pagar pra ter um homem dentro de casa, pra dizer que vc tem um homem pra chamar de seu, me desculpe, mas eu não me satisfaço com isso. E se vc paga pra ter isso, vc nada mais é do que uma escrava da opinião alheia, como uma sinhazinha do século XIX. Mulher tem que casar, nem que seja com um mais ou menos. Senão não tem valor! São escolhas, cada um faz as suas. Eu, por exemplo, prefiro ser chamada de chata a perder a paz com um encosto nas minhas costas, só porque tem um falo entre as pernas. Antes “encalhada” do que “cagada”!

    • etyene

      acredito que vc não tenha lido o texto com a msm alegria q a pessoa que escreveu, não conseguiu entender a sutil diferença d se ter um cara companheiro q até agrada a esposa cozinhando e um cara q interesseiro q é tratado como uma doméstica…
      tenho um homem maravilhoso q tem todos os atributos q vc não consegue encontrar em seus homens, mas ele não é um cara rico e nem precisaria ser um cara rico, queria somente u cara q depois d um dia cansativo d trabalho me fizesse ter vontade d voltar pra casa, seja pra jantar algo q ele msm cozinhou pra mim ou só pra conversar e tomar alguma coisa… o dia q vc conhecer esse Homem vc vai entender a diferença de uma mulher CHATA tanto de pernas abertas qto de pernas fechadas!!! Alias… pernas mtu fechadas transformam as mulheres em seres ainda mais insuportáveis!!

  • sandra

    ….Conheço mulheres com esse mesmo texto acima. Parecem super bem resolvidas, se amam tanto, tem uma super auto estima que nem percebem o que acontece…estão tão preocupadas com o seu próprio umbigo… suas qualidades…E os maridos, por sua vez, se valem dessas “qualidades” para trair…com homens ou com mulheres. Esse texto me lembrou ao menos duas conhecidas e “bem resolvidas” e… cornas…Ahhh quando as mulheres solteiras reclamam, são chatas, é justamente pq estão cansadas de receber cantadas de homens casados (geralmente aqueles homens certinhos que ninguém desconfia que traem suas esposas)…na boa antes ser chata realista do que uma corna iludida ( que ainda por cima se acha super amada). Não que seja o caso da pessoa que escreveu…mas é que o texto me lembrou pessoas com o mesmo discurso.

  • Flávia

    O tipo de texto desnecessário, sem sentido e baseado numa opinião pessoal e nada generalizada. Fiquei sem entender porque esse tipo de mulher é chata. Qual o problema delas acharem que existem homem que não sabem lidar com mulheres bem sucedidas? E existe mesmo, não porque tenham medo mas porque eles não gostam de mulheres assim. Cada um tem o seu gosto… E muitas vezes essas mulheres não tem como prioridade casar, querem mais é serem mesmo bem sucedida profissionalmente e usarem suas roupas e bolsas caras… E quantas mulheres casadas são chatas… vivem reclamando e xingando seus maridos. Ser casada não significa estar feliz. É tudo muito relativo e pessoal, nada pode ser generalizado neste assunto.

  • anonimo

    Da mesma forma que há o patrão e o empregado, há o pai e filho, a empresa e o cliente, assim há o homem e a mulher, os dois com seus papeis definidos. Uma mudança muito radical nesse sistema causa um desequilíbrio. Confunde-se os papeis e a sua função como seres humanos e sociais.

  • Anônimo

    Concordo em parte, há casos que as pessoas ficam sozinhas por opção, nestes casos não precisariam usar de ouros subterfúgios para se justificar.

  • Felipe

    Parabens ótimo texto ‘-‘ apesar de um pouco confuso 🙂

  • Tatiane Albuquerque

    Parabéns à escritora por demonstrar com objetivas, simples e ao mesmo tempo, ricas palavras, que o responsável por sua felicidade e infelicidade é o próprio ser, que insiste em projetar esta responsabilidade ao outro. Coragem garotas!!! It’s possible.

  • Anônimo

    Tudo é uma questão de equilíbrio. Não existe dono(a) da verdade. As vezes é difícil reconhecer que quem está certo é o outro(a). E é exatamente nessas horas que o caráter, educação e personalidade se destacam. Nessas horas as pessoas amadurecem e o relacionamento também.

    Pessoas e relacionamento precisam de atenção e cuidados constantes.. Uns mais que outros. Test-drive está aí pra descobrir como você tolera os defeitos alheios… ou não!

    Gostei do artigo. Faz as pessoas pensarem e filosofarem. Parabéns!

  • Qni Clenir

    Parabéns
    Todos comentários válidos
    Impactante p quem se encaixar no perfil da “chata”. Mais por outro lado espero q sirva p auto análise.
    Muito atual e verdadeiro.
    Gostei!

  • John

    Eu não diria chata!!!! Eu diria mala sem alça, sem rodinha e com 200kg dentro pra carregar!!!!

  • andreia

    dai tu abre o texto pra ler,mas milhares de janelinhas abrem em cima do texto a cada segundo,com milhares de propaganda,e ai a tua paciência acaba,e tu nao le o texto!

  • andreia

    Pensando bem a questão das janelinhas veio a calhar….consegui dar uma olhada no texto,apesar das insistentes propagandas,e como alguém ai em cima bem disse,é um texto vago,escrito com base em uma experiência pessoal,sem embasamento e que não traz nada que valha a pena ser lido,relido e refletido…enfim….isto sim é chato!

  • Isabelle

    Um texto completamente egocêntrico e machista.
    Uma pessoa que nunca precisou ir ao supermercado abastecer a própria despensa ou cuidar da própria roupa (certamente porque sempre pode pagar alguém pra fazer isso) e julga que essa é a realidade de todas as mulheres não pode ser levada a sério. Quantas famílias elas pensa que criam suas filhas para serem independentes e donas de si? E quantas famílias ela pensa que criam seus filhos para tratarem mulheres com absoluta igualdade?

  • Anônimo

    Todas CHATAS!

  • Anônimo

    Entendo o ponto de vista dela, entendo mesmo, realmente tem muita mulher que dá essa desculpa, só que ela comete o mesmo erro que elas, generalizando isso, porque nem sempre é uma desculpa. Entenda, ela fala de dentro de um “ambiente seguro”, que seria o fato de ela ter tido a sorte de encontrar somente homens adaptados à ideia de que mulher não é só pra lavar suas cuecas e estar pronta pra sexo quando o homem quiser. Fico feliz que os pais dela nunca a tenham pressionado pra casar nem coisas do tipo. Mas não é assim com todo mundo e, embora todos os homens tenham sido informados das mudanças em relação ao papel da mulher, nem todos aceitam, por n motivos e um deles é que foram criados e educados assim. As estatísticas de violência doméstica contra a mulher provam que não é sempre desculpa. Eu acho muito equivocado ela dizer que está bom assim, e que precisa só de uns ajustes aqui e ali, quer dizer, se dentro da bolha dela as coisas acontecem da melhor maneira possível, fora não é bem assim. Ela claramente sempre teve tudo na mão, ou pelo menos muito mais fácil, (não saber fazer compras, incrivelmente prova isso). Não gostei porque me pareceu o típico “se eu não encontrei problema, então ele não existe.”
    Tem sim um monte de homens por aí como ela descreveu, e concordo quando ela diz que não são todos iguais não, (tem muita mulher sozinha por aí que gosta de generalizar) mas concordo igualmente quando ela diz que as mulheres também não são todas iguais; e não são mesmo, muitas são pressionadas desde a adolescência, pela própria família, pra terem um namorado, porque toda menina tem, sendo que algumas simplesmente não querem, não sentem essa necessidade, algumas são extremamente machistas também, outras são o oposto, tem aquelas que gostam de pisar nos homens, outras só querem parar de se sentir um pedaço de carne na jaula dos leões cada vez que saem de casa de short, num calor de 40 graus, mas além disso, algumas tem a sorte de um amor tranquilo com sabor de fruta mordida, e outras infelizmente acabam escolhendo mal e terminam desiludidas, talvez na delegacia, tentando pedir justiça a um delegado que acha que ela é que não devia ter provocado o marido, além daquelas que frequentemente acabam terminando um relacionamento, ou tomando um pé na bunda, porque queriam um pouco mais de espaço. É dessas mulheres que muitas vezes vem essa desculpa, que acaba não sendo só por chatice. E no dia em que elas acharem alguém que seja companheiro ao invés de dono, elas vão ver que tem um monte de homens que não sabem lidar com a independência de uma mulher, mas também que tem muitos homens que procuram uma mulher tão independente quanto eles.
    A questão é que ela generalizou uma experiência pessoal e isso tirou a razão dela. “Eu agradeço por nunca ter tido um único namorado que não me quisesse da forma como eu fui criada”. Sorte a sua, moça. Pena que não acontece com todo mundo. Tente olhar ao seu redor e se colocar no lugar de uma mulher já se decepcionou algumas vezes por esse motivo e pare você de ser mimada. u.u

    • Anônimo

      Vc merecia ter se identificado! Concordo com vc.

  • mutterfukker

    A verdade é que mulher tem um trunfo muito grande que é a beleza física. Nego lambe – e sempre lamberá – o salto dessas vadias, por mais chatas, dondocas e minadas que sejam – se ela ficar bem na foto, se for um filé pra apresentar para os amigos parentes. Enquanto houver zé buceta, haverá toda uma classe de mulheres se achando no mundo. Não vejo isso mudando nos próximos 500 anos. Podem reparar, a mulher mediana ou feinha compensa na simpatia. Eu sou partidário dos que dão mais atenção à estas. Não sem ressalvas, já que são simpáticas por falta de opção. Afinal, algum appeal precisam ter. Mas ao menos são mais fáceis de se conviver.

  • Anônimo

    Simplesmente, sensacional. 🙂

  • Adolfinho

    Achei uma bosta

  • Marco Antonio

    mutterfukker,
    Mutterfukker,

    Concordo plenamente. Por mais que a mulher seja linda, nunca vai atrair um homem de verdade, se ela ficar infernizando a vida do camarada. O homem precisa de uma mulher que o faça se sentir poderoso, e não uma que critique todas as suas atitudes. O homem se sente seguro com uma mulher que cuide dele, e não que o esnobe recorrentemente.

    A natureza é muito justa. Esse tipo de mulher só atrai homens vazios, daqueles que fazem questão de apresentar a mulher modelo para os amigos e familia, mas reza para que ela não abra a boca. De forma que, os homens de verdade procuram aquela menina simpática, com aquele jeitinho irresistível, e se apaixona pela sua humildade. Na verdade, nos apaixonamos muito mais pelo jeito da mulher do que pela sua beleza. Queremos que ela seja um pouco bonita, só para ficar olhando de vez em quando, mas na verdade procuramos outras qualidades e a beleza acaba ficando em um segundo plano.

  • Fernando Rossi

    Na minha opinião, esse texto peca por várias razões. Primeiro, ela claramente adota como referencial o universo das mulheres ricas e escolarizadas, que claro, apesar das dificuldades que também enfrentam em uma sociedade machista para conquistarem a independência, sofrem muito menos do que as mulheres de classes menos privilegiadas. Ou seja, o corte dela é muito específico e elitizado, mas ela generaliza como se estivesse falando de todas as mulheres (o próprio título vai nesse sentido).

    Depois, e como consequência dessa linha que ela segue, a argumentação tem um viés altamente materialista. A diferença de salários, a maior dificuldade de ascender na carreira, a independência financeira, são sim problemas que as mulheres enfrentam, mas estão longe de ser os únicos. E a violência doméstica? E a cultura do estupro? E a repressão do corpo e do sexo? Enfim, o machismo vai muito além de quem vai fazer a comida ou quem paga as contas, ele está tão arraigado em nossa sociedade, em tantos setores, que às vezes nem o notamos (o que não quer dizer que não exista e exerça influências gravíssimas).

    E não para por aí a construção falaciosa, da mesma forma que ela assume uma perspectiva limitada da mulher, ela também assume uma perspectiva restrita do homem. O que ela toma como referencial é o “homem mudado”, esclarecido etc etc. Os homens estão mesmo tão mudados assim? Acho que muitos poucos, e mesmo esses poucos, por estarem inseridos dentro de uma cultura patriarcal e machista, acabam indiretamente ou inconscientemente oprimindo as mulheres.

    Enfim, o pior de tudo não são as falácias, mas sim a mensagem que o texto transmite, na minha opinião, extremamente negativa 1) Que as mulheres são chatas e que reclamam sem razão alguma em relação aos homens – Diante de tanta repressão, tantos absurdos que vemos acontecer por conta do machismo, acho muito baixo fazer isso, ainda mais usando como argumento central algo como “porque é mal-amada”. É um desrespeito tremendo, e mais do que isso, uma tentativa de deslegitimar o movimento feminista, que já conquistou tanta coisa e que ainda luta por tantas pautas importantíssimas. 2) Os homens mudaram e não oprimem mais as mulheres – Outro desserviço tremendo. Para começar, essa nitidamente não é a realidade. Depois, o primeiro passo para que haja uma mudança efetiva de mentalidade e atitude do homem, diante do machismo, por mais esclarecido que ele seja, é reconhecer em si mesmo a figura do opressor, que vem tanto de dentro, dos valores que aprendemos, quanto de fora, do contexto no qual estamos inseridos.

    • vai seguindo

      Sim ha o machismo. Mas ha também o feminismo cada vez mais enraizado e arregaçado, tantas vezes não apontado e desclassificado. Mais ,as mulheres pegaram na ideia do machismo e a ” importaram” como ideal de forma que chega a ser ridicula. A mulher que se gaba do carrao, de ser o sustento da casa, de ganhar mais do que ele, de rodar a vila inteira, de nao assentar até aos 40, de nao suportar criancinha, de querer homem objecto depilado e tofas essas tonterias. Basta abrir uma revistadessas qualquer, verdade? Para ver no que se esta criando como culto da personalidade feminina. Perdeu todo o altruismo e o elan feminino.Mas ainda quer que segure a porta! E continua prendendo homem por gravidez e fazendo e desfazendo sem pedir e a desmando, e ganhando filhos do juiz e toda essa dinamica de que nao se queixa porque esta por cima. Muito mais de metade dos licenciados ocidentais sao mulheres mas o foque iinda é nos 0,1% dos lugares de topo e dos seus salarios. A presidente é uma mulher! Os homens vao na guerra, na construcao, no mar, no inferno- mas aì nao clama igualdade. Mas quer o homem cozendo meia. Ahhhrr. Gente. Homem é homem , mulher é mulher. Cansei. Antes de procurar alguem se encontra a si mesmo.

    • Pamela Amanda Marques

      Exatamente!!! Já tava me achando chata porque pensei isso ?

    • André Pitaki Dufour

      Obvio que não tem como generalizar, mas claramente esse texto foi em resposta de outros artigos que andam circulando na internet falando que os homens não querem mulheres independentes e bem sucedidas. Você está lendo muito em cima desse texto, o qual não tinha como intenção criticar o movimento feminista, e sim criticar as mulheres que usam como desculpa para estarem sozinhas o fato de serem independentes e bem sucedidas (sim, repeti, mas para dar enfase que era esse o foco do artigo, não pessoas de classes mais baixas, ou mulheres que sofrem de abusos em domicilio). Tinha, sim, um público alvo especifico. Resumindo: Tem homem que gosta de mulher independente e bem sucedida, assim como o oposto. Se você se encaixa no perfil, pare de achar desculpas, se não, ignore o artigo, pois não é voltado para você.

    • Gleyce Martins

      Perfeita colocação, Parabéns! Com a devida vênia, posso copiar seu comentário?

  • Anônimo

    oi

  • Julia

    Que bom que meu principal objetivo de vida não é encontrar um homem e sem me.preocupar se estava exigente ou pouco exigente acabei bem feliz com um. Só viva sua vida e seja feliz

  • Cecília

    Casadas são felizes? Solteiras são chatas? Do que valem esteriótipos? Que cada um seja feliz como quiser. Tive quase 20 anos de casamento … um homem bonito, simpático, encantador…. fora de casa, mas em casa um dominador, stressado, exigente, com normas absurdas…depois de muitos anos posso ser eu mesma, se isso é ser chata, posso afirmar me fez bem.

  • Luana

    Que texto patético e contraditório. Primeiro vc critica as mulheres que só pensam em bolsas caras e depois diz que tem uma, se diz financeiramente independente, mas é o seu companheiro que te sustenta, pq antes só comia miojo com cerveja. E coitada da sua mãe, que trabalhava fora, cuidava da casa e não podia contar com a companhia da família nas férias! Você traumatizou e surtou, só pode! Quanto blá, blá, blá…Sim, homens querem mulheres independentes que tenham vida própria, que sejam companheiras, mas que principalmente sejam MULHERES… Que saibam admirar o esforço que o seu amado faz pra abrir o pote de maionese, se sintam valorizadas quando ele a leva no seu restaurante favorito e pagam o todo o jantar! Sim, também tem muita gente solteira e feliz, que está sozinha por opção ou pq não aceitam qualquer coisa… E olha pra vc, que vida chata… seu marido fazendo janta enquanto vc tá na frente do computador escrevendo bobagem… devia tá lá ajudando ele ou no mínimo escolhendo a lingerie pra usar mais tarde qdo fosse agradecê-lo do mimo!

    P.S. Se está casa é porque arrumou o outro chato pra te aturar!

    • Marla Santos

      Concordo 100%, essa garota não sabe de nada da vida! Imbecil.

  • tabajara_music

    O nome disso é senso prático, para os menos informados.

  • Thiago Fatel

    Ao ler acabei imaginado o relacionamento de um amigo meu que reluta pra tentar deixar sua namorada uma mulher independente, que tenha seus compromissos, se dedique no trabalho e na faculdade, que tenha metas e objetivos claros, e por mais que ele tente existe um gap muito grande entre o que ele se preparou pra ser e o que ele encontrou, talvez não seja somente as mulheres chatas ou as mulheres independentes, e sim a relação entre expectativa e realidade, a impressão que se tem ao se envolver não é igual ao envolvimento em si.

  • Fabio Nunes

    relacionamentos só dão certo quanto os 2 descem dos seus pedestais e forem humildes(humildade que falta pra maioria dos seres humanos)
    por isso sofrem atoa! Relacionamentos são construídos na doação, vontade de estarem ali, mesmo que o sujeito não tenha dinheiro, mais tenha vontade!
    As mulheres estão arrogantes, os homens respondem traindo elas, simples assim…
    A verdade que se relacionar está uma droga nos dias atuais, nada agrada! Por isso o povo quer curtir até o fim! Quanto o povo for mais humilde, os homens vão parar de sacanear as mulheres, pois pessoas chatas? Os caras querem correr mesmo! ficar um dia, dar uns perdidos! Pra relacionamentos duradouros?
    (humildade) Simples assim…O que mais vejo é falta disso!