Leia também

I am Dust (Eu Sou Poeira) – Ensaio fotográfico

tow16

O segundo ensaio fotográfico que posto essa semana (veja o primeiro aqui), possui o mesmo “conceito” do fotógrafo Ludovic Florent, que utilizou areia nos corpos de bailarinos. O de hoje, batizado de I am Dust (Eu Sou Poeira), foi realizado pelo fotógrafo, também francês, Olivier Valsecchi. Ao invés da areia, o que entra em cena aqui são cinzas e, segundo Valsecchi, a obra é um auto-retrato dele, mesmo que não apareça seu próprio rosto. “Eu conheço um monte de gente em quem eu posso me ver, e eu sinto instintivamente que temos algo em comum para compartilhar”. 

O fotógrafo é adepto da reencarnação e revela que o objetivo de registrar as pessoas nuas com cinzas pelo corpo veio afirmar que ele estava indo para um caminho certo em sua vida, pois com o projeto ele conseguiu demonstrar suas crenças de forma extremamente criativa, o que lhe rendeu exposições e diversos prêmios ao redor do mundo.

Comentários

comentários


Sobre Sal (291 Artigos)
Jornalista, blogueiro, letrista, cantor em uma banda de rock, fã de música, quadrinhos e cinema