Leia também

Se Eu os Merecia!

Campos em Primavera - Monet

Eu confesso que não sei
Se são rasos ou profundos
Se são intensos como o céu
Ou extasiante como o mar

Se é o brilho deles que me inebria
Ou se é esse torpor que me deixa sem ar
Me atrapalho às vezes em palavras
Mas esse é o preço por falar demais

No começo confundi se eram verdes ou azuis
Se eu os merecia ou se era mais do que eu podia ganhar

Mas confesso, olhando agora em seu rosto…
Que seus olhos são os mais lindos e doces
Que a natureza poderia forjar!

por Ariston Sal Junior

Comentários

comentários


Sobre Sal (292 Artigos)
Jornalista, blogueiro, letrista, cantor em uma banda de rock, fã de música, quadrinhos e cinema