A incrível geração das mulheres chatas – por Mariliz Pereira Jorge

Interessante o ponto de vista sobre as mulheres, vindas de uma… mulher
A colunista do jornal Folha de São Paulo, Mariliz Pereira, publicou semanas atrás em seu espaço do periódico uma ótima crônica, onde faz uma “análise” do comportamento feminino de algumas mulheres. Acredito que muitas mulheres se identificarão com o ponto de vista de Mariliz e outras acharão um absurdo… Tire suas próprias conclusões. Vale muito a leitura!

namoro-conversa

Não faz nem um mês eu disse aqui que a melhor desculpa de uma mulher que está sozinha é que não tem homem no mercado. É muito boa. Mas tem uma que disputa à faca o primeiro lugar: estou sozinha porque os homens têm medo de mulheres independentes.
Uma ova.
E posso afirmar: a cada minuto que você reclama, tem outra mulher também independente e bem sucedida – mas muito mais esperta do que você – sendo bem sucedida na dança do acasalamento. E você aí, sozinha no bar com as suas amigas independentes, com suas bolsas caras, indo dormir sozinhas, reclamando da morte da bezerra e dos homens. Aqueles ingratos… Clique aqui para continuar lendo o texto.

por Mariliz Pereira Jorge
Colunista da Folha

 

PS> A pedidos da autora, tive que linkar para o texto original no site da Folha de São Paulo para a leitura completa da crônica.

Anúncios